Mercado da bola

Coritiba anuncia contratação de Ricardo Oliveira, artilheiro do Brasileirão 2015

Ricardo Oliveira
Ricardo Oliveira (Foto: Divulgação/Atlético.com.br)

O Coritiba anunciou nessa terça-feira (dia 29) pela manhã que está contratando o centroavante Ricardo Oliveira, 40 anos. O jogador estava livre no mercado, após rescindir com o Atlético Mineiro. A última partida dele foi em março. Em 2020, marcou um gol em oito jogos – ficou 418 minutos em campo.

Ricardo Oliveira é o 20º maior artilheiro da história do Brasileirão, com 93 gols em 214 jogos. Entre os jogadores em atividade na atual edição, ele é o 4º maior goleador, atrás apenas de Fred (148 gols em 295 jogos), do Fluminense, Diego Souza (109 gols em 424 jogos), do Grêmio, e Wellington Paulista (98 gols em 365 jogos), do Fortaleza.

Em 2015, foi o artilheiro do Brasileirão, com 20 gols, atuando pelo Santos. 

Em 2019, marcou 14 gols em 46 partidas. Em 2018, 22 gols em 56 jogos. Ele defendeu o Atlético Mineiro nesses duas temporadas.

Ricardo Oliveira estava no Atlético Mineiro, mas deixou o clube alvinegro após alegar cinco meses de salários atrasados. A ação trabalhista do atacante gira em torno de R$ 3,7 milhões. Ele vinha treinando em São Paulo, onde mora com a família.

HISTÓRIA
O auge da carreira foi entre 2004 e 2005. Foi campeão com a seleção brasileira da Copa América 2004 (atuou em três jogos) e da Copa das Confederações 2005 (dois jogos). No total, soma cinco gols em 16 partidas pela seleção.

Ricardo Oliveira é o quinto brasileiro com mais gols na história da Libertadores: foram 19 em 34 jogos. Está empatado com Guilherme (ex-Atlético-MG), que fez 19 em 27. E está atrãs de Luizão (29 gols), Palhinha (25), Célio (22) e Jairzinho (21).

ELENCO
Essa é a sexta contratação do novo diretor de futebol do Coritiba, Paulo Pelaipe, que assumiu o cargo em 24 de agosto. Em 35 dias, ele já trouxe Sarrafiore, Ramón Martínez, Hugo Moura, Matheus Oliveira, Cerutti e Ricardo Oliveira.

O Coritiba não tem centroavantes em condições de jogo no atual elenco. Cerutti só pode ser registrado em 14 de outubro, quando abre a janela de transferências. Wanderley está em recuperação. Igor Jesus foi negociado com o Sharjah, dos Emirados Árabes. Sassá foi devolvido ao Cruzeiro. Nos últimos jogos, o ponta Robson foi improvisado como centroavante. No segundo tempo da derrota para o Fluminense, na última segunda-feira, o ponta Nathan também ‘quebrou um galho’ centralizado no ataque.