Publicidade
Série B

Coritiba enfrenta o Londrina em duelo de ‘maus momentos’

Umberto Louzer conversa com os jogadores do Coritiba: passando confiança
Umberto Louzer conversa com os jogadores do Coritiba: passando confiança (Foto: Divulgação / Coritiba)

O Coritiba enfrenta o Londrina neste sábado (14), às 11 horas, em um duelo de times em maus momentos na Série B. Ambos já estiveram em melhores posições na tabela, mas amargam jejuns de vitórias e estão em queda. A partida entre os dois é válida pela 22ª rodada da competição e será no estádio do Café, em Londrina.

No Coritiba, o jejum de vitórias chega a quatro partidas. Nesse período, foram dois empates e duas derrotas – ocorridas nas duas últimas partidas. Se antes o time chegou a disputar a liderança ponto a ponto com o Bragantino, hoje o momento é diferente. Os coxas-brancas deixaram o time paulista abrir sete pontos de vantagem. E por pouco não saíram da zona de acesso à primeira divisão: estão em 4º lugar, com 34 pontos, apenas um ponto acima do 5º colocado, o CRB.

O Londrina está ainda pior. São oito jogos sem vencer e cinco derrotas seguidas. Ainda por cima, o time trocou de técnico – saiu Alemão, entrou Claudio Tencati – e um de seus principais jogadores, o atacante Dagoberto, resolveu anunciar sua aposentadoria exatamente nesta semana. O Tubarão já chegou a aparecer na zona de acesso à primeira divisão, mas hoje ocupa apenas a 13ª posição, com 25 pontos – somente três acima da zona de rebaixamento.

Para o técnico Umberto Louzer, o mau momento do Londrina não muda as coisas para o Coritiba. “Isso não vai entrar em campo. O fator emocional é um diferencial, mas o que o Londrina apresentou até esta rodada vai ficar para trás”, disse Louzer. “Temos que focar naquilo que precisamos voltar a fazer para conseguir as vitórias”.

Para piorar o lado coxa-branca, Louzer ganhou vários desfalques em relação ao último jogo. O zagueiro Sabino, o volante Matheus Sales e o centroavante Rodrigão, artilheiro do time e da Série B, com 11 gols, estão suspensos. Além disso, o zagueiro Romércio se machucou.

 Na zaga, há apenas dois zagueiros disponíveis para a partida: Thalisson Kelven e Rafael Lima, que se recuperou de lesão. Os outros estão ou machucados ou fora dos planos. Para suprir as demais ausências, Louzer vai escalar Vitor Carvalho como volante e Igor Jesus como centroavante. “Eu vejo sempre como uma oportunidade importante para quem vai entrar”, disse o treinador. “Por isso, passamos segurança aos atletas para iniciar a partida para que possam fazer aquilo que é treinado para colher um bom resultado lá e continuar no G4”.

Londrina

O mau momento do Londrina não se resume ao campo. O clube esperava contratar o meia Renato Cajá, que ajudou o Juventude-RS a ganhar o acesso à Série B para 2020. Mas o jogador preferiu acertar com a Ponte Preta. Para o treinador Claudio Tencati, a equipe passa por problemas de insegurança. “Tínhamos um ambiente muito pesado, e ficou complicado tirar desse fundo do poço com os resultados negativos. A equipe era desconfiada, insegura e tensa. Estamos melhorando pouco a pouco”, falou ele. Tencati poderá contar com as estreias do zagueiro Lucas Costa e dos laterais Alemão e Juninho, recém-contratados. 

LONDRINA x CORITIBA
Londrina: César; Alemão, Lucas Costa, Léo Rigo e Juninho; Germano, Anderson Leite e Higor Leite; Matheuzinho, Júnior Pirambu e Luidy. Técnico: Claudio Tencati
Coritiba: Alex Muralha; Diogo Matheus, Rafael Lima, Thalisson Kelven e William Matheus; Vítor Carvalho, Juan Alano, Giovanni, Thiago Lopes e Rafinha; Igor Jesus. Técnico: Umberto Louzer
Árbitro: José Mendonça da Silva Junior (PR)
Local: Estádio do Café, em Londrina, sábado, às 11 horas

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES