Publicidade
Conteúdo Sustentável

Coronavírus e seus efeitos no meio ambiente

O alívio provavelmente será momentâneo, e sua causa é uma má notícia. Mas uma das consequências inesperadas do surto do novo coronavírus foi o ar mais limpo e a redução das emissões de gases que contribuem para as mudanças climáticas.

Na China, o fechamento de fábricas e lojas, ao lado das restrições de viagens para lidar com a epidemia da covid-19, resultaram em um declínio substancial no consumo de combustíveis fósseis no país asiático. Esse processo produziu uma queda de pelo menos 25% na emissões de dióxido de carbono (CO₂) da China, segundo cálculos de Lauri Myllyvirta, do Centro de Pesquisa em Energia e Ar Limpo (Crea), com sede nos Estados Unidos.
"A demanda por eletricidade e produção industrial (da China) permanece bem abaixo dos níveis normais, segundo vários indicadores", disse Myllyvirta em uma análise publicada no portal especializado Carbon Brief, no fim de fevereiro. (com informações do BBC News)


Vereador Bruno Pessuti

Parcelas do IPTU e da Taxa de Lixo de pequenos comércios podem ser suspensas por 60 dias

O pequeno comerciante de Curitiba pode ter um fôlego para enfrentar a crise provocada pelo Coronavírus (COVID-19). O vereador Bruno Pessuti protocolou na Câmara Municipal de Curitiba uma indicação de ato administrativo à Prefeitura de Curitiba para apoiar este setor. No texto do documento, o vereador sugere “A suspensão, por 60 dias, da taxa de lixo para comércios e prestadores de serviços afetados pelo decreto 4317 de 2020” .O decreto em questão trata da suspensão das atividades que não são consideradas essenciais ou inadiáveis. Para Bruno Pessuti, este é um momento de apoiar o comércio de bairro: “O fechamento de pequenos comércios pode quebrar vários negócios locais, que geram emprego e movimentam a economia nos bairros. A suspensão da parcela do IPTU e da Taxa de Lixo pode ser uma alternativa para o comerciante respirar nesse período”, disse o vereador.



UFPR produz desinfetante de mãos para postos de saúde e hospitais do SUS no Paraná

Em meio à pandemia do coronavírus no mundo, a Universidade Federal do Paraná (UFPR) está produzindo álcool 70% glicerinado para distribuição gratuita a hospitais e postos de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS) no Paraná, além de instituições beneficentes com pessoas do grupo de risco. A iniciativa do Laboratório de Espectrometria de Massas (LabFenn) da UFPR, em Jandaia do Sul, busca trazer uma alternativa para o alto preço e baixa disponibilidade do álcool gel em farmácias e mercados.
O produto não é gelificado, mas pode ser usado para esterilização cirúrgica e para desinfetar as mãos. A produção chega a 500 litros de álcool 70% por dia e a expectativa é que se alcancem mil litros diários na semana que vem. Dos 100 frascos já entregues, 50 foram para o SUS de Jandaia do Sul, enquanto outros 50 tiveram como destino o Asilo São Vicente de Paula, do mesmo município.


Cursos online e gratuitos sobre agrofloresta, permacultura e ecodesign

Apesar do excesso de informações e cansaço mental que muitos vêm passando nos últimos dias, existem opções para aqueles que querem se concentrar de uma forma melhor. Uma série de empresas começou a disponibilizar cursos gratuitos para quem está em quarentena. Alternativas que vão muito além da pandemia e possa mudar nosso comportamento daqui para frente. Segue alguns cursos com o viés da sustentabilidade que está disponível nas redes, aproveite:

Sustentabilidade em Design de Interiores

Introdução à Horta Urbana Orgânica
Por meio de vídeos no Youtube, você aprende como começar sua horta caseira.

Sistemas agroflorestais para pequenos produtores
Em quatro módulos, os técnicos do Instituto explicam a pequenos produtores rurais como eles podem realizar o sistema de plantio, quais os benefícios socioeconômicos que ele traz e como esse modelo também é importante para a biodiversidade.

Permacultura em situações de colapso
Ao longo das aulas serão tratados temas como produção de alimentos em pequenos espaços, soberania alimentar e autossuficiência de energia e água. Curso é disponibilizado pelo Instituto Pindorama.

Modelo de negócio de impacto socioambiental
O curso como criar um modelo de negócio de impacto socioambiental tem o objetivo de ensinar os conceitos essenciais para o entendimento e a estruturação de iniciativas que promovam as mudanças na sociedade e no meio ambiente. O curso é do Sebrae e tem carga horária de 24 horas.

Introdução ao sistema agroflorestal
Também ofertado pelo Instituto Pindorama, o curso é composto por 13 vídeos. Cada um tem em média 10 minutos de duração.

Cursos em inglês:
Ecodesign de cidades (University of British Columbia, do Canadá)
A proposta é mostrar como a ecologia pode orientar o design para evitar desastres ambientais e melhorar a vida das pessoas. Além de abordar projetos de destaque, também são exemplificadas pequenas ações que podem ser adotadas em qualquer comunidade.

Curso de arquitetura de Harvard
Uma das universidades mais prestigiadas do mundo disponibiliza um curso gratuito de arquitetura. O curso tem duração de 10 semanas, se for investido de três a quatro horas por semana.

Design permacultural
Quais os princípios e técnicas de design de Permacultura? E suas aplicações? A Universidade do Estado do Oregon, nos EUA, disponibiliza um curso em vídeos para aprofundar este tema. As aulas são sugeridas para serem concluídas em 10 semanas.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES