No Dia da Padroeira

Curitiba comemora os 350 anos da primeira paróquia

Instala\u00e7\u00e3o da Par\u00f3quia de Nossa Senhora \u00e9 mais antiga que a funda\u00e7\u00e3o da cidade
Instala\u00e7\u00e3o da Par\u00f3quia de Nossa Senhora \u00e9 mais antiga que a funda\u00e7\u00e3o da cidade (Foto: Jaelson Lucas/SMCS)

No sábado é celebrado o dia de Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, padroeira de Curitiba. Neste ano, em especial, o dia será marcado por uma homenagem aos 350 anos de fundação da primeira paróquia da cidade: a paróquia Nossa Senhora da Luz dos Pinhais de Curitiba, atual Catedral Basílica. A paróquia foi fundada 25 anos antes da oficialização da fundação da própria cidade.
A comemoração começa com uma missa solene às 10 horas, quando a Catedral receberá uma imagem da Santa feita em terracota — a primeira imagem de Nossa Senhora da Luz a ocupar a capela onde hoje está a Catedral. A missa será presidida pelo Arcebispo dom José Antônio Peruzzo
A imagem é histórica: foi trazida de São Paulo pelos povoadores em meados do século XVII e hoje pertence ao acervo do Museu Paranaense. Ela ficará na Catedral de 8 de setembro de 2018 até 30 de setembro de 2019, período em que a Arquidiocese celebra um ano jubilar pelos 350 anos de história da paróquia que atualmente é a Catedral.
Ao longo do dia, há celebrações também às 8h30, 12 horas e 15 horas. Uma procissão com a imagem atual da Padroeira partirá do Santuário de Guadalupe às 17 horas em direção à Catedral, para a última missa do dia na Catedral, às 18 horas.

Desfile reunirá estudantes, polícia e Forças Armadas
Alunos de dez escolas estaduais e duas escolas municipais de Curitiba, representantes de entidades de diversos setores da sociedade, forças militares e de segurança participarão, amanhã, do desfile de 7 de Setembro na avenida Cândido de Abreu, no Centro Cívico, em Curitiba. O desfile, que encerra as comemorações pelos 196 anos da Independência do Brasil, é organizado pelo Governo do Estado e pela 5ª Divisão de Exército. As atividades começam a partir das 9 horas e devem seguir até 13 horas.
O desfile militar vai envolver efetivos do Exército, Marinha e Aeronáutica. As forças de segurança participam com unidades da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar e Bombeiros, Polícia Civil e Guarda Municipal. Alunos do Colégio da Polícia Militar do Paraná e da Academia Policial Militar do Guatupê também estarão no desfile.
O desfile de 7 de Setembro exigirá bloqueios de trânsito nos bairros Bom Retiro, Centro Cívico, São Francisco, Alto da Glória e Juvevê. A interrupção no tráfego de veículos começa já no fim da noite de hoje a partir das 23 horas, e segue até as 15 horas da sexta-feira.  Linhas de ônibus também terão desvios.