Nesta semana

Curitiba dá nova chance a grupos, antecipa vacina e reabre repescagem contínua

Semana terá vacinação de segunda dose com a Pfizer e a AstraZeneca
Semana terá vacinação de segunda dose com a Pfizer e a AstraZeneca (Foto: Américo Antonio)

Nesta semana, cerca de 86,5 mil moradores de Curitiba que receberam a primeira dose da vacina anticovid são esperados nos pontos de vacinação para completar o ciclo de imunização com a segunda dose.

As pessoas que foram chamadas para antecipar a segunda dose da Pfizer no último sábado, e não puderam comparecer, terão uma nova oportunidade durante essa semana, num cronograma escalonado pela Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba.

Além disso, a Secretaria Municipal da Saúde está realizando a antecipação da segunda dose de Pfizer para dois novos grupos.

Quem recebeu a primeira dose de Pfizer entre os dias 26 a 31 de julho, poderá completar a imunização com a segunda dose na quinta-feira – originalmente seria apenas entre 18 e 25 de outubro)

E aqueles que tomaram a primeira dose de Pfizer em 2 de agosto também terão sua segunda dose antecipada para sexta-feira – originalmente seria apenas em 26/10.

A ação é para atender a recomendação do Ministério da Saúde de redução do intervalo entre as doses do imunizante da Pfizer para atingir o intervalo de oito semanas entre as doses.

As pessoas contempladas com antecipação estão sendo convocados por mensagem pelo aplicativo Saúde Já, que deverá ser apresentada na hora da vacinação.

Nesta semana são 27 locais de vacinação espalhadas pela cidade, e que atendem das as 8h às 17h

No mutirão do sábado passado, mais de 77 mil moradores da Capital podiam tomar a segunda dose da vacina, mas pouco mais de 44 mil apareceram.

Repescagem contínua

A partir de hoje, a Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba reabre as repescagens contínuas, ou seja, para todos as pessoas que já foram convocadas até 24 de setembro e ainda não compareceram.

Podem se vacinar na repescagem contínua com a primeira dose pessoas com 18 anos ou mais, gestantes e puérperas (mães que tiveram bebês há 45 dias) com 12 anos ou mais, adolescentes com 12 anos ou mais com deficiência permanente ou comorbidade. Além disso, podem se vacinar com segunda dose todos que já foram convocados até 24/9 e ainda não compareceram.

A dose de reforço também estará disponível para quem tem 70 anos ou mais e se vacinou com a segunda dose há 180 dias ou mais. Também são contemplados imunossuprimidos que já completaram 28 dias ou mais da segunda dose.

As pessoas que têm direito à dose de reforço receberam uma mensagem de “pop-up” com a convocação no aplicativo Saúde Já Curitiba. Esta mensagem deve ser mostrada no momento da vacinação.vos para algo entre 4 e 5 mil (na época estava acima de 7 mil).

Mais vacinas chegam nesta terça-feira

O Ministério da Saúde confirmou o envio de mais 251.640 vacinas contra a Covid-19 ao Paraná. Serão 195.390 doses da Pfizer/BioNTech e 56.250 da AstraZeneca/Fiocruz, que chegam nesta terça-feira (28).

Os imunizantes da Pfizer são divididos em: 45.630 doses para reforço da população acima de 70 anos que tenha tomado a segunda dose entre 21 e 31 de março; 11.700 doses para primeira dose (D1) em adolescentes gestantes e puérperas e adolescentes em medidas socioeducativas (privados de liberdade) e 138.060 doses para segunda aplicação (D2) referente a 35ª pauta.

Já as vacinas da AstraZeneca são destinadas exclusivamente para D2 da 31ª pauta.

Este é o segundo lote do Ministério da Saúde com doses exclusivas para a imunização de adolescentes. Segundo os dados do Vacinômetro nacional, o Paraná já aplicou 27.479 vacinas no público de 12 a 17 anos. Quanto às doses de reforço, 21.525 vacinas foram aplicadas no Estado.

Mais de 1,5 milhão de paranaense já se contaminaram com a Covid-19

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta segunda-feira (27) mais 1.926 casos confirmados e 43 mortes — referentes aos meses ou semanas anteriores e não representam a notificação das últimas 24 horas — em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus.

Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 1.500.096 casos confirmados e 38.712 mortos pela doença. 643 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estavam internados até ontem.

Curitiba — A Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba (SMS) registrou, nesta segunda-feira (27) , 225 novos casos de Covid-19 e 8 mortes de moradores da cidade infectados pelo novo coronavírus.

Até o momento foram contabilizadas 7.533 mortes na cidade provocadas pela doença neste período de pandemia. Com os novos casos confirmados, 292.143 moradores de Curitiba testaram positivo para a Covid-19.

Até ontem eram 4.427 casos ativos na cidade, correspondentes ao número de pessoas com potencial de transmissão do vírus. A taxa de ocupação dos 281 leitos de UTI SUS exclusivos para Covid-19 estava em 55%. Restavam 126 leitos livres.

Brasil — O Brasil registrou 14.423 casos de Covid-19 e 210 mortes no boletim desta segunda-feira (27) do Ministério da Saúde. O total de casos foi para 21.366.395, e o de mortes 594.653.