Anticovid

Vacinação: Curitiba faz repescagem nesta sexta-feira e mutirão de 2ª dose neste sábado

Ontem, foram vacinados adolescentes com comorbidades
Ontem, foram vacinados adolescentes com comorbidades (Foto: Franklin de Freitas)

Nesta sexta-feira (24), a Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba segue com a imunização contra a Covid-19 com a repescagem para todos os grupos já convocados, incluindo primeira e segunda doses e dose de reforço. Também será feita a vacinação de quem tem o agendamento da segunda dose para este dia. Amanhã, acontece um mutirão de antecipação de aplicação da segunda dose da Pfizer.

A vacina, nesta sexta, estará disponível nesta data em 22 pontos de vacinação, das 8h às 17h. Nesta data, não haverá vacinação para a população adolescentes com comorbidades. A imunização para este público será retomada na segunda-feira (27).

A primeira dose estará disponível para todos com 18 anos ou mais que ainda não se vacinaram. A primeira dose também estará disponível para gestantes e puérperas (mães que tiveram filhos até 45 dias) que tenham 12 anos ou mais, com apresentação de declaração médica.

Também estará disponível a segunda dose para todos que já foram chamados, inclusive os que ainda não compareceram. A data de convocação da segunda dose pode ser conferida no aplicativo ou site Saúde Já Curitiba.

Além da primeira e segunda dose, os pontos de vacina oferecerão,hoje, a dose de reforço para idosos com 70 anos ou mais, que vacinaram a segunda dose há 180 dias ou mais. Também são contemplados imunossuprimidos que já completaram 28 dias ou mais da segunda dose.

Mutirão em 36 pontos

Amanhã, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) fará um mutirão para antecipar a segunda dose da vacina da Pfizer para as pessoas que receberam a primeira aplicação entre os dias 3 e 24 de julho. O atendimento será feito em 36 pontos de vacinação abertos das 8h às 17h.

Poderão concluir o ciclo de imunização neste sábado cerca de 73 mil pessoas que estavam com a segunda dose agendada entre 27 de setembro e 18 de outubro, uma antecipação de até 23 dias.

A ação é para atender a recomendação do Ministério da Saúde de redução do intervalo entre as doses do imunizante da Pfizer para atingir o intervalo de oito semanas entre as doses.

As pessoas contempladas estão sendo convocados por mensagem pelo aplicativo Saúde Já, que deverá ser apresentada na hora da vacinação.

Aqueles que não receberam a mensagem de convocação pelo Saúde Já não terão a segunda dose antecipada para este sábado e deverão, portanto, seguir a data agendada anteriormente.

A SMS alerta que nesse dia não haverá aplicação de primeira dose para nenhum público e nem dose de reforço.

“Vamos vacinar exclusivamente as pessoas convocadas para a segunda dose do imunizante da Pfizer, não haverá nenhum outro tipo de atendimento”, reforçou a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak. Quem for convocado e não conseguir comparecer neste sábado poderá tomar a vacina em outra data em que haja aplicação de segunda dose.

Locais de vacinação
Das 8h às 17h

1 - US Ouvidor Pardinho
Rua 24 de Maio, 807 - Praça Ouvidor Pardinho

2- US Mãe Curitibana
Rua Jaime Reis, 331- Alto do São Francisco

3 - Centro de Referência, esportes e atividade física
Rua Augusto de Mari, 2.150 – Guaíra

4 – Rua da Cidadania Fazendinha
Rua Carlos Klemtz, 1700

5 - US Santa Quitéria 2
Rua Bocaíuva, 310 - Santa Quitéria

6 - US Parigot de Souza
Rua João Eloy de Souza, 111 – Sítio Cercado

7 - US Salvador Allende
Rua Celeste Tortato Gabardo, 1.712 - Sítio Cercado

8 - US Nossa Senhora Aparecida
Rua Carlos Amoretty Osório, 169 - Sítio Cercado

9 - US Sambaqui
Rua Roberto Dala Barba, 44 - Sítio Cercado

10 – US Bairro Alto
Rua Jornalista Alceu Chochorro, 314 – Bairro Alto

11 – US Santa Efigênia
Rua Voltaire, 139 – Barreirinha

12 – US Abaeté
Rua Delegado Miguel Zacarias, 403 - Boa Vista

13 - US Vila Diana
Rua René Descartes, 537 – Abranches

14 - Centro de Esporte e Lazer Avelino Vieira
Rua Guilherme Ihlenfeldt, 233 – Bacacheri

15 – US Campina do Siqueira
Rua General Mário Tourinho, 1684 - Campina do Siqueira

16 – US Nova Orleans
Av. Ver. Toaldo Túlio, 4.577 - Orleans

17 - US Pinheiros
Rua Joanna Emma Dalpozzo Zardo, 370 - Santa Felicidade

18 – US Vista Alegre
Rua Miguel de Lazari, 85 Pilarzinho

19 – US Visitação
Rua Bley Zorning, 3136 - Boqueirão

20 - US Jardim Paranaense
Rua Pedro Nabosne, 57 - Alto Boqueirão

21 – US Vila Hauer
Rua Waldemar Kost, 650 – Hauer

22 - US Menonitas
Rua Domicio da Costa, 52 – Xaxim

23- US Salgado Filho
Avenida Senador Salgado Filho, 5265 - Uberaba

24 - US Uberaba
Rua Cap. Leônidas Marques, 1392 – Uberaba

25 - US Camargo
Rua Pedro Violani, 364 – Cajuru

26 – US Trindade
Rua Roraima, 1790 - Vila Oficinas

27 – US Iracema
Rua Professor Nivaldo Braga, 1571 - Capão da Imbuia

28 - US Atenas
Rua Emilia Erichsen, 45 - Cidade Industrial

29 - Clube da Gente CIC
Rua Hilda Cadilhe de Oliveira, nº 700

30 - US Oswaldo Cruz
Rua Pedro Gusso, 3749 - Cidade Industrial

31 – US Vila Feliz
Rua Pedro Gusso, 866 – Novo Mundo

32 - US Aurora
Rua Theofhilo Mansur, 500 – Novo Mundo

33 – US Sagrado Coração
Rua Antônio Claudino, 375 – Pinheirinho

34 - US Fanny Lindóia
Rua Conde dos Arcos, 295 – Lindóia

35 - Rua da Cidadania do Tatuquara
R. Olivardo Konoroski Bueno, s/n – Tatuquara

36 - US Rio Bonito
R. Fanny Bertoldi, 170 - Campo do Santana

Adolescentes

Nesta quinta-feira (23) foram vacinados os adolescentes com comorbidades, com idades entre 12 e 16 anos. “Observamos no primeiro dia que a procura desse público está abaixo do esperado, por isso estamos dando um tempo maior para que os pais ou responsáveis possam se organizar”, orientou a secretária.

Imunização de adolescentes será na segunda-feira

Curitiba abre, na segunda-feira, a vacinação para os adolescentes com comorbidades nascidos em 2005, 2006, 2007, 2008 e 2009 (neste caso, exclusivamente até 27/9/2009), fechando o chamamento deste grupo prioritário, com aqueles com até 12 anos completos.

Os adolescentes com deficiência nascidos até 27/9/2009 e aqueles com comorbidades nascidos até 2004, convocados para a vacinação ontem, que não puderam comparecer, terão uma nova oportunidade na segunda-feira também.

A vacina estará disponível nesta data, especificamente para este público, em 25 pontos de vacinação, das 8h às 17h. Três deles são novos: US Atuba, Tarumã e Abranches (veja a lista completa e os endereços abaixo). A expectativa é vacinar 30 mil pessoas.

Excepcionalmente, fica suspensa, na segunda-feira, a “repescagem contínua” para todas as pessoas já convocadas anteriormente de primeira dose (18 anos ou mais), segunda dose e dose de reforço, retornando normalmente na terça-feira, dia 28.

Para a ampliação da vacinação dos adolescentes em geral, sem comorbidades, Curitiba aguarda o envio de novas doses pelo Ministério da Saúde.

Vacinas chegam nesta sexta

O Ministério da Saúde garantiu, ontem, o envio de 99.450 doses da Pfizer/Comirnaty ao Paraná para a vacinação de adolescentes com comorbidades e deficiência permanente. Os imunizantes chegarão em dois voos no final da tarde de hoje. Este é o primeiro lote carimbado após o anúncio do governo federal de início da cobertura definitiva sobre os jovens com e sem comorbidades.

Na prática, o Paraná já havia anunciado o início da vacinação dos adolescentes com comorbidades, considerando o remanejo da reserva técnica do imunizante pelos municípios, e a liberação da aplicação nos adolescentes em geral de forma escalonada. Agora há um lote específico para esse público.

Boletins

Casos ativos em queda

Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba registrou, ontem, 312 novos casos de Covid-19 e 16 óbitos.Até o momento foram contabilizadas 7.481 mortes e 291.016 casos. Eram 5.093 casos ativos na cidade, o menor das últimas semanas. Ontem, a taxa de ocupação dos 311 leitos de UTI SUS exclusivos para Covid-19 estava em 58%. Restavam 132 leitos livres.

Perto de 1,5 milhão

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou ontem mais 2.191 casos confirmados e 63 mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus. Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 1.492.004 casos confirmados e 38.468 mortos pela doença. Se o ritmo de novos casos confirmados se manter, seriam precisos apenas quatro dias para que a marca de 1,5 milhão de pessoas contaminadas seja atingida, o que seria entre o fim desta semana e o começo da próxima.

Mais 648 óbitos

O Brasil registrou, entre quarta e ontem, 648 óbitos causados pela Covid-19. O País acumula 592.964 vidas perdidas para a doença. Foram 24.611 novos casos e o total foi para 21.308.178 registros desde o início da pandemia.