Publicidade
Conteúdo Sustentável

Curitiba isenta carros elétricos de pagamento de estacionamento regulamentado

(Foto: Divulgacão Itaipu)

A prefeitura de Curitiba vai isentar o pagamento do Estacionamento Regulamentado (EstaR) para carros 100% elétricos nas vias públicas da capital. O objetivo é incentivar a eletromobilidade e o uso de veículos não poluentes na cidade.

O decreto – que vale para veículos elétricos particulares e também para carros de compartilhamento elétrico (sharing), ou seja, de aluguel de curta duração e para curta distância desses veículos - foi assinado pelo prefeito Rafael Greca assinou, no dia 11 de novembro. Com o decreto, o dono de veículo elétrico poderá ficar sem pagar o EstaR por até duas horas, de acordo com a área já disponível para estacionamento rotativo na cidade. No caso do car sharing, não haverá limite de horas para a isenção.

Para usufruir da isenção – o decreto tem validade de dois anos - os donos de veículos e as empresas de car sharing deverão fazer um cadastro na Urbanização de Curitiba (Urbs). As informações necessárias para o cadastro serão divulgadas por meio de portaria.

Vereador da Mobilidade diz que a incentivo aos carros elétricos é exemplo
O vereador Bruno Pessuti, autor da lei que estabelece a política municipal de incentivo ao uso de carros elétricos ou movidos à hidrogênio, espera que a população ganhe cada vez mais incentivos para adquirir os veículos elétricos. Entre outras medidas, a Lei 14.826 de 2016, de Bruno Pessuti, trata da desoneração tributária, da reserva de vagas de estacionamento preferenciais e da instalação de postos para recarga de veículos elétricos.

PepsiCo lança desafio para reduzir do desperdício de plástico
Para incentivar jovens na América Latina e no Caribe a apresentarem ideias para a redução de resíduos plásticos, a PepsiCo, em parceria com a Young Americas Business Trust (YABT) e a Organização dos Estados Americanos (OEA), está lançando a 11ª edição do Eco-Desafio.

O foco é identificar soluções sustentáveis, com alto potencial de implementação, os materiais das garrafas PET e dos pacotes de BOPP (material usado em embalagens flexíveis, como as de salgadinhos), bem como soluções para pós-uso do material pelo consumidor. Jovens, entre 18 e 34 anos, podem se inscrever até o dia 31 de dezembro por meio do site: https://ticamericas.net/eco-desafio/.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES