Publicidade
Assepsia

Curitiba reforça limpeza urbana com UPAs e hospitais recebendo pulverização

A Prefeitura de Curitiba, numa iniciativa que busca contribuir para que se evite a disseminação do coronavírus, deu início ontem ao reforço na limpeza urbana. Numa ação coordenada pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente, os acessos das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e de hospitais públicos da cidade estão sendo assepsiados, ou seja, desinfetados.

Na quarta-feira, os primeiros pontos atendidos foram a UPA Pinheirinho, a UPA Sítio Cercado, o Hospital Municipal do Idoso e o Hospital do Trabalhador. Ainda hoje, a UPA Fazendinha, UPA Campo Comprido e a UPA CIC também receberão o reforço na limpeza.

Para a limpeza, o município está utilizando água misturada com hipoclorito de sódio e também água misturada em 3% com peróxido de hidrogênio. De acordo com o prefeito Rafael Greca, são os mesmos líquidos que a China e a Europa estão usando na assepsia urbana. Ontem, inclusive, ele agradeceu em seu pronunciamento à fábrica Peróxidos do Brasil, que doou para a cidade 27 mil litros de peróxido de hidrogênio.

"Estamos lavando, varrendo, escovando, limpando. Xô, sujeira! Xô tranqueira!", declarou o prefeito. "Faremos a mesma coisa nas estações tubo e nos terminais de transporte, e aonde mais for necessário", explicou ainda.

De acordo com o diretor do Departamento de Limpeza Pública, Edélcio Marques dos Reis, as prioridades e periodicidade do trabalho serão definidas em conjunto com Secretaria Municipal da Saúde.

“Essa ação se soma a todas as medidas já adotadas pela Prefeitura de Curitiba e continua enquanto as autoridades sanitárias julgarem conveniente”, informou o diretor.

ESTRUTURA

Funcionários foram remanejados para a formação de duas equipes, cada uma com dez pessoas. Eles usam pulverizadores costais com hipoclorito de sódio e peróxido de hidrogênio para fazer a higienização de pontos de contato - grades, postes, guarda-corpos externos, pisos - e ajudar a reduzir a velocidade de circulação de agentes infecciosos.

“A partir de amanhã, vamos contar com o reforço de caminhões-pipa para melhorar a efetividade em locais mais amplos”, completou o diretor.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES