Imunização

Curitiba retoma vacinação de grávidas contra a Covid-19 nesta segunda-feira

Gestantes e puérperas voltam a ter vacina disponível
Gestantes e puérperas voltam a ter vacina disponível (Foto: Luiz Costa/SMCS)

A partir dsta segunda-feia (14), Curitiba vai retomar a imunização contra a Covid-19 de gestantes e puérperas (mães que tiveram filhos há até 45 dias). A vacinação ocorrerá em todos os 17 pontos da cidade, com doses dos imunizantes Pfizer ou Coronavac.

A decisão da Secretaria Municipal da Saúde decorre de pareceres favoráveis da Associação de Ginecologia e Obstetrícia do Paraná (Sogipa) e também da Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo).

Na capital paranaense, a imunização deste grupo começou em 6 de maio. Cinco dias depois tanto o Ministério da Saúde quanto a Secretaria de Estado da Saúde do Paraná recomendaram aos municípios a suspensão da vacinação de gestantes e puérperas que não tivessem comorbidades.

Serão vacinadas gestantes (em qualquer idade gestacional) com 18 anos ou mais. É necessário apresentar carteirinha de pré-natal (SUS ou particular) ou resultado positivo de laboratório para exame de gravidez com o nome da paciente. As puérperas são as mães que tiveram bebê há até 45 dias. Para receber a vacina basta apresentar a certidão de nascimento do bebê ou a Carteira da Criança.

Professores
Também a partir desta segunda-feira, a Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba ampliará a vacinação contra Covid-19 para professores e trabalhadores da Educação Básica de 38 anos ou mais, tanto da rede pública quanto da rede privada.

Neste momento, estão sendo chamados apenas professores e trabalhadores da Educação Básica - creches, CMEIs, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio, ensino profissionalizante e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

A imunização dos profissionais de educação acontece das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira, em dez pontos de vacinação, um por distrito sanitário.