Anticovid

Curitiba retoma segunda dose de vacinação nesta semana, além de imunizar gestantes e puérperas

Pavilhão da Cura funcionou pela última vez no sábado passado
Pavilhão da Cura funcionou pela última vez no sábado passado (Foto: Pedro Ribas/SMCS)

Nesta semana, cerca de 126 mil moradores de Curitiba que receberam a primeira dose da vacina anticovid são esperados nos pontos de vacinação para completar o ciclo de imunização com a segunda dose. Os locais da vacinação podem ser consultados no site ImunizaJáCuritiba.

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) lembra que todas as pessoas que, por alguma razão, perderam a data de aplicação da segunda dose marcada no aplicativo, podem procurar um dos pontos de vacinação para completarem o ciclo de imunização com a dose de reforço.

Hoje, também poderão receber a primeira dose da vacina anticovid gestantes e puérperas (que tiveram bebês até 45 dias) com 12 anos ou mais e com apresentação de declaração médica.

Para receber a segunda dose da vacina, basta procurar um dos pontos de vacinação da cidade, das 8h às 17h, levar um documento de identificação com foto e CPF. Nesta segunda-feira serão 22 locais para vacinação.

Lembrando que no sábado, o Pavilhão da Cura, no Parque Barigui, foi desativado e não há mais vacinação anticovid no local.

Início

Foi no Pavilhão que a vacinação contra o novo coronavírus começou em Curitiba, em 20 de janeiro. Naquele dia, a primeira dose foi para a enfermeira da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Boa Vista Silvana Maria Bora. Em todo o período de portas abertas, o local respondeu por aproximadamente 20% de todas as doses aplicadas no município.

Na despedida, o Pavilhão acolheu para a dose de reforço idosos acima de 70 anos e com a segunda dose realizada há mais de 180 dias, além de pessoas imunossuprimidas com a segunda dose recebida há mais de 28 dias.

O encerramento das atividades no Pavilhão acontece em uma fase em que Curitiba já chamou toda a sua população acima de 18 anos para vacinação.

Mais doses

Entre o fim de semana e hoje, o Paraná deve receber mais de 876 mil doses de vacinas para a Covid. No sábado o Estado recebeu 363 mil doses. Ontem, chegariam mais 348.660 doses da Pfizer e hoje são esperados mais 164.250 da AstraZeneca, além de 450 da Janssen.

A distribuição dos imunizantes está condicionada a divulgação do Informe Técnico que irá confirmar se o lote será destinado à primeira ou segunda dose, com exceção dos da Janssen, que são dose única. Somente depois disso serão enviadas às regionais.

Paraná atinge a marca de 1,48 milhão de casos e 38.239 mortes pela Covid-19

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou ontem mais 2.122 casos confirmados e 53 mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus. Os números são referentes aos meses ou semanas anteriores e não representam a notificação das últimas 24 horas.

Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 1.484.369 casos confirmados e 38.239 mortos pela doença.

Curitiba — Curitiba divulga os números de domingo apenas hoje. No sábado, o boletim da Secretaria Municipal de Saúde trouxe 313 novos casos de covid-19 e 16 óbitos. Até aquele dia eram contabilizadas 7.418 mortes e 289.464 casos desde o início da pandemia.

Eram 5.769 casos ativos na cidade, correspondentes ao número de pessoas com potencial de transmissão do vírus, e a taxa de ocupação dos 345 leitos de UTI SUS exclusivos para Covid-19 estava em 56%.

Brasil — O boletim do Ministério da Saúde de ontem registrou mais 9.458 casos e 244 óbitos pela Covid no País. O total foi para 21.239.783 de casos e 590.752 mortes desde o início da pandemia.

Cronograma da semana para segunda dose

Segunda dose de Coronavac:

- 20 de setembro - Vacinados com a primeira em 24 de agosto;
- 21 de setembro - Vacinados com a primeira em 25 e 26 de agosto;
- 22 de setembro - Vacinados com a primeira em 27 e 28 de agosto;
- 24 de setembro - Vacinados com a primeira em 30 de agosto.

Segunda dose de AstraZeneca e de Pfizer:

- 20 de setembro - Vacinados com a primeira em 22 de junho;
- 21 de setembro - Vacinados com a primeira em 23, 24 e 25 de junho;
- 22 de setembro - Vacinados com a primeira em 26, 27, 28, 29 e 30 de junho;
- 23 de setembro - Vacinados com a primeira em 1º de julho;
- 24 de setembro - Vacinados com a primeira em 2 de julho.