Publicidade
Feito a mão

De moda pet à gastronomia artesanal, variedade é marca da Feira do Fazendinha

(Foto: SMCS)

“Mãe, eu quero a almofada do unicórnio!” A frase da pequena Maria Eduarda, de 7 anos, para a mãe, a dona de casa Marcela Fernanda de Chavez, 26 anos, é apenas um exemplo do encantamento de crianças e adultos pelas criações da artesã Luciana de Souza. Além de almofadas, ela expõe laços de cabelo em cetim, às quartas e sextas-feiras, na Feira de Artesanato na Rua da Cidadania do Fazendinha.  

Ao lado da banca de Luciana, Fabiana Souza comercializa bolsas, pochetes, necessaires e porta-moedas – tudo confeccionado em jeans. Com aplicações de pedras, laços e diferentes lavagens, as peças em patchwork também podem ser customizadas sob encomenda. “Tudo é feito pela minha mãe, em nossa casa no São Braz”, conta Fabiana, com orgulho do trabalho de dona Elza.

Chinelos repletos de brilho são o carro-chefe da artesã Juliana Perdomo. “Minhas freguesas gostam muito de strass, pérolas e cor", diz a artesã. Ela faz questão de que os modelos sigam as últimas tendências de modelagem. “Por isso, sempre tenho peças em que os solados trazem estampas geométrica, animal e florais”, afirma Juliana, que também cria pantufas e chinelos de pele e pijamas e macacões em malha ou soft.

No espaço de Maria Tereza Ziliotto, os jogos de cozinha chamam a atenção pelo colorido e delicadeza. “Tudo é feito a mão e o crochê é aplicado em bicos de panos prato, aventais e toalhas, como enfeite", observa ela. Peças em lã, como sapatinhos, tocas, golas e cachecóis, também podem ser encontrados na banca de Maria Tereza.

Bolacha da avó

As bolachas caseiras de Leonardo Mroczek também atraem pessoas à feira do Fazendinha. As delícias têm aquele gosto de “feito pela avó da gente”, com opções de sabores como polvilho, fubá, amendoim, coco com glacê, chocolate e araruta. “A mais procurada é a de polvilho, mas todas vendem bem”, afirma o comerciante.  

Na Feira de Artesanato do Fazendinha, é possível encontrar ainda roupas para pets criadas pelas irmãs Rossana e Rosângela Santos. “No inverno, as capas de soft são as mais procuras e, no verão, as camisas de tricoline fazem sucesso”, garante Rossana, que cria divertidos acessórios, como laços, gravatas, sapatinhos e chapéus, para cães, gatos e até mini porcos.

 

Serviço: Feira de Artesanato do Fazendinha

Local: Rua da Cidadania do Portão/Fazendinha (Rua Carlos Klemtz, 1.700)  
Data: toda quarta e sexta-feira
Horário: das 10h às 17h

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES