Luto

Depois de nove dias internado, guarda municipal de Curitiba morre de Covid-19

(Foto: Reprodução)

Morreu no sábado (17) o guarda municipal de Curitiba, Sérgio Ferreira, em decorrência da Covid-19. Ele estava internado há nove dias no Hospital Santa Cruz, mas não resistiu e faleceu no sábado. O guarda tinha 42 anos. Ele era lotado no Bairro Novo.

O Sindicato dos Guardas Municipais de Curitiba (Sigmuc) divulgou nota no seu perfil no Facebook. "Família Azul Marinho está de luto - GM Sérgio Ferreira veio a falecer em decorrência ao COVID 19. Nós do SIGMUC lamentamos. Nossos mais sinceros pêsames pela irreparável perda do nosso amigo tão querido", diz a nota.

A esposa dele havia contraído a Covid. Na época ele fez o exame mas deu negativo, mesmo assim ficou afastado por sete dias do trabalho. Foi depois da volta que começou a não se sentir bem e fez novo exame, que deu negativo outra vez, mas mesmo assim já foi internado. 

O teste positivo veio dois dias depois. Na quarta-feira (14) chegou a ser entubado, pois estava com o pulmão comprometido, mas não surtiu efeito e não resistiu.

Boletim

O último boletim da Secretaria Municipal de Saúde de Curitiba, divulgado no sábado (17), mostrava que foram registrados em Curitiba 352 novos casos de covid-19 e sete moradores da cidade morreram infectados pelo novo coronavírus. 

As novas vítimas foram cinco homens e duas mulheres, com idades entre 62 e 87. Todas estavam internadas e tinham algum fator de risco para complicações da Covid-19.

Até agora são 1.408 mortes na cidade provocadas pela doença neste período de pandemia.

Com os novos casos confirmados, 48.838 moradores de Curitiba testaram positivo para a covid-19 desde o início da pandemia, dos quais 44.330 estão liberados do isolamento e sem sintomas da doença.

Eram 3.100 casos ativos na cidade, correspondentes ao número de pessoas com potencial de transmissão do vírus.

Já o boletim da Secretaria de Estado da Saúde confirmou neste domingo 771 novos casos e 2 mortes pela infecção causada pelo novo coronavírus. O Paraná soma agora 197.444 casos e 4.873 mortos em decorrência da doença.