Dicas que podem ajudar no desempenho do TOEFL Junior®

Disponível para crianças e jovens de 11 a 18 anos, o TOEFL Junior®, um exame de proficiência em inglês, é aplicado para verificar o grau de desenvolvimento dos alunos com relação às habilidades na língua. Cada vez mais, o domínio da língua é imprescindível e, o quanto antes as crianças tiverem contato com a disciplina, melhor o cérebro irá se desenvolver e absorver com mais facilidade o novo conteúdo.

O teste, usado para medir as habilidades dos alunos no inglês, avalia o grau de compreensão ao ouvir, ler e ao se deparar com estruturas gramaticais e vocabulário contextualizado. De acordo com Renato Magalhães, Bacharel em Letras e Pós-graduado (especialista) em Estudos Avançados da Língua Inglesa, ter os objetivos definidos antes de fazer o exame é o primeiro passo. "É importante entender se o interesse no teste é para analisar suas habilidades em inglês ou se vai tentar uma vaga em escolas internacionais. Neste segundo caso, vale a pena pesquisar como as instituições solicitam o teste. Isso poderá ajudar a selecionar o exame mais apropriado, de acordo com a exigência da instituição almejada, bem como planejar os estudos e perceber os pontos que precisam ser melhorados".

Ver filmes, ouvir músicas e ler em inglês ajudam a fixar o idioma e treinar para o TOEFL Junior®. Segundo Renato, atualmente gerente da área pedagógica de inglês do Kumon: "tudo que ajuda a ampliar o vocabulário e praticar o idioma pode ser importante para o aluno se sentir confiante no momento de fazer a prova."

Abaixo estão mais 5 dicas elaboradas pelo especialista para potencializar ainda mais o estudo:

1. Cronograma de estudos
"A indicação é organizar cronograma de aprendizado e listar todas as atividades cotidianas e o tempo que possui para se dedicar ao TOEFL Junior® em cada dia da semana. Feito isso, o próximo passo é revisar temas já conhecidos e só passar para tópicos mais complexos quando a base estiver sólida. O ideal é estudar um pouco por dia, pois assim, não existe sobrecarga de conteúdo", diz Renato.

2. Pontos com mais dificuldade
Segundo o especialista, ao montar o calendário, é preciso ficar atento aos critérios adotados pelo exame e aos assuntos ou habilidades linguísticas considerados mais difíceis. "É importante começar os estudos por estes itens", ressalta Renato.

3. Provas e simulados anteriores
"Para ter um bom resultado, é importante conhecer o teste e saber o que os avaliadores esperam. Uma sugestão é resolver simulados e edições anteriores do TOEFL Junior®, sempre tomando cuidado com o tempo gasto em cada pergunta", comenta.

4. Filmes, livros e temas do dia a dia
Filmes, documentários e músicas sobre temas variados em inglês podem ajudar no exame TOEFL Junior®. "Ler livros também amplia o vocabulário, o que pode ser importante para o aluno se sentir confiante no momento de ler os textos da prova", aponta Renato.

5. Lazer é importante
"É essencial que não se estressar durante a preparação para o teste, realizar intervalos entre os períodos de estudo e não deixar de descansar e se divertir", finaliza o Bacharel.

No Kumon, os alunos iniciam os estudos ouvindo palavras comuns do cotidiano, gravadas por falantes nativos, e tentando repeti-las em voz alta. Em estágios mais avançados, o estudante passa a ler trechos de obras literárias originalmente escritas em inglês, até adquirir o domínio completo da língua.

O objetivo final do curso é capacitar os alunos a ler e compreender diversos textos em inglês, inclusive obras originalmente escritas na língua inglesa. Tudo isso tem como base o contato diário com o idioma, característico do estudo pelo método Kumon, e a familiaridade com a pronúncia de falantes nativos de Inglês por meio do material de áudio. Essa metodologia permite que o aluno adquira uma ótima pronúncia e entonação, tornando-se apto a se expressar com desenvoltura no idioma. Além disso, a disciplina de Inglês é mais uma ferramenta do método Kumon para desenvolver a concentração, disciplina, capacidade de aprender conteúdos novos de forma autodidata e enfrentar desafios, sempre de modo individualizado, respeitando o ritmo de aprendizado de cada aluno.



Website: http://www.kumon.com.br