Dirigente diz que Fed tem instrumentos para gerar recuperação inclusiva

A presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de São Francisco, Mary Daly, afirmou que o Fed "tem conjunto de instrumentos poderoso e podemos usá-lo quando necessário". Ela ressaltou que os testes de estresse realizados com grandes instituições financeiras geraram resultados "robustos e foram muito úteis para avaliar bancos", durante a pandemia da covid-19. "Podemos ter a mente aberta no futuro, mas no momento os testes de estresse são bem apropriados e nos servem bem."

De acordo com Daly, "temos instrumentos para amplo apoio" do nível de atividade nos EUA "e para gerar uma recuperação inclusiva".

Ela ressaltou que o banco central norte-americano tem também mandato "para buscar o pleno emprego e podemos ter avaliações" sobre o mercado de trabalho em cinco e dez anos. "Para mim, as principais prioridades são viabilizar a retomada econômica e manter a inflação na média de 2% no longo prazo."

Mary Daly ressaltou que, "apesar de o Federal Reserve ter mandatos, podemos também ter foco em mudanças climáticas". Embora tenha ressaltado que os impactos maiores desta questão serão registrados anos à frente, ela apontou que as queimadas registradas em diversas áreas na Califórnia já afetam o turismo e a indústria de vinhos. "É responsabilidade do Fed conversar com agentes econômicos sobre mudanças ambientais e prepará-los para enfrentá-las."

Globalização

A dirigente afirmou ainda que a "globalização gerou muitos fatores bons, mas provocou impactos em parte do mercado de trabalho em comunidades" nos EUA e tais consequências precisam ser avaliadas também por autoridades do Fed.

Mary Daly disse que "uma transição abrupta para uma economia verde pode ter efeitos para segmentos de trabalhadores". "Transições importam e temos importante papel para conduzi-las para enfrentar mudanças ambientais", comentou.

Ela ressaltou que o Fed criou um comitê para analisar tais temas. "Questões climáticas afetam os mandatos do Federal Reserve. Não advogamos por políticas específicas para meio ambiente, pois seguimos orientação de autoridades eleitas", destacou Daly. "É nosso dever no Fed entender como questões climáticas afetam a economia", comentou ainda.

A dirigente fez os comentários em evento promovido pelo Peterson Institute for International Economics sobre riscos climáticos e ações do Federal Reserve.