Publicidade

Disputa derruba em 12% renda no campo

A retaliação de países como China, México, Canadá e Europa às tarifas impostas pela administração Trump é um dos fatores para a queda na renda total da agricultura nos EUA. Em 2017, a China importou US$ 19,5 bilhões em produtos agrícolas dos EUA.

No ano seguinte, o valor caiu para US$ 9,2 bilhões com a escalada da guerra comercial.

Para 2019, a expectativa do Departamento de Agricultura é de que a renda dos agricultores continue em queda, 12% menor do que em 2018.

A despeito de o governo ter lançado mão de programas de auxílio aos fazendeiros, as declarações de falência no campo cresceram 13% em junho, na comparação com o ano anterior, segundo a organização não governamental Farm Bureau. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES