Publicidade
Crise do Coronavírus

Dono de bar tradicional de Curitiba decide 'doar' estabelecimento: 'Venha pegar a chave'

(Foto: Divulgação)

O agravamento do cenário econômico em decorrência da pandemia do novo coronavírus está obrigando diversos estabelecimentos a fecharem suas portas. E em Curitiba, um empresário resolveu adotar uma medida inusitada. Nesta quarta-feira (1º de julho), Délio Canabrava, proprietário do tradicional Bar CanaBenta, localizado há 14 anos na Rua Itupava, no Alto da XV, decidiu anunciar que irá "doar" o seu negócio.

"Eu estou doando o bar CanaBenta. Quem quiser, venha pegar a chave. Poucos funcionários e poucas dívidas", escreveu Délio em um grupo de WhatsApp com empresários do ramo gastronômico.

Em contato com o Bem Paraná, Délio confirmou a intenção de se desfazer do negócio. Segundo ele, o interessado não precisa pagar nada para adquirir o bar, mas terá de assumir um passivo de R$ 350 mil. Naturalmente, será feito um contrato com advogado, para formalizar toda a negociação e a doação do estabelecimento para o novo dono.

"Se alguém quiser pegar, eu passo para frente, sem precisar tirar dinheiro do bolso. Assume o passivo que existe do bar e a gente faz a negociação", diz o empresário, explicando que o principal motivo para a 'doação', então, é a dificuldade que o bar tem enfrentado nos últimos tempos, quando se viu impedido de receber os clientes por conta do contágio do novo coronavírus.

"Eu tenho outros dois negócios que vão muito bem, que é a Cantina do Délio, a Bela Banoffi e agora estou abrindo um congelados também, Empório Cantina do Délio. Então tenho três outros negócios que vão melhorzinho que o Canabenta. Vamos ter de fazer contrato, claro, vai ter um contrato muito bem feito, mas é isso mesmo", finaliza.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES