Publicidade
Mercado da bola

Ex-Athletico, Drubscky assume a direção de futebol do Cruzeiro

Drubscky
Drubscky (Foto: Arquivo Bem Paraná/Geraldo Bubniak)

O Cruzeiro anunciou nesta terça-feira que Ricardo Drubscky será o novo diretor de futebol profissional. Ele já estava no clube, como responsável pelas categorias de base, e agora acumulará as duas funções.

"Durante os três meses que estive na base, reestruturamos todo o setor e, eu na condição de diretor de futebol, estarei regendo todas as diretrizes do futebol do clube. Que a gente consiga caminhar forte com o Cruzeiro nos objetivos que temos bem claros, como o acesso à Série A, além do Campeonato Mineiro e a Copa do Brasil", afirmou Drubscky.

Drubscky será o substituto de Ocimar Bolicenho, que foi demitido após a derrota para o Coimbra, no último domingo, pelo Campeonato Mineiro, um resultado que manteve o time fora da zona de classificação às semifinais. O técnico Adilson Batista também deixou o Cruzeiro, e um dos desafios do novo diretor de futebol será contratar o treinador para a equipe profissional.

"Conheço bastante o Clube e trabalhei já em várias funções. Está sendo um prazer muito grande assumir a diretoria de futebol e agradeço aos dirigentes do Núcleo Dirigente Transitório por apostarem em meu trabalho. Digo ao torcedor que nós vamos fazer um trabalho com muita competência e com muito arrojo", disse Drubscky.

Drubscky encerrou em 2017 a carreira de treinador para trabalhar como gestão esportiva. Em Minas Gerais, foi executivo de futebol até 2018 do América. Ele foi contratado pelo Cruzeiro no fim do ano passado para comandar as categorias de base do clube.

Ricardo Drubscky trabalhou nas categorias de base do Athletico Paranaense e assumiu o time profissional em 2012, durante a Série B, após a saída de Jorginho. Com ele, o time conseguiu o acesso à primeira divisão. Começou 2013 no comando da equipe, mas acabou saíndo na sexta rodada do Brasileirão.

Em 2014, foi contratado pelo Paraná Clube e dirigiu a equipe em apenas uma partida. Preferiu aceitar proposta do Goiás e deixou o clube paranaense.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES