Publicidade
Coronavírus

Em Curitiba, 351 servidores receberam auxílio emergencial; prefeitura cobra devolução

Em todo o Estado, mais de 10 mil servidores teriam recebido o auxílio, segundo o Tribunal de Contas do Estado (TCE/PR).
Em todo o Estado, mais de 10 mil servidores teriam recebido o auxílio, segundo o Tribunal de Contas do Estado (TCE/PR). (Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil)

A prefeitura de Curitiba anunciou hoje que os servidores que receberam o auxílio emergencial do governo federal devido à pandemia do novo coronavírus deverão comprovar, a partir de hoje, que devolveram os valores ou que foram vítimas de fraude. Estes servidores terão cinco dias de prazo para fazerem a comprovação da restituição, a partir da convocação pelo núcleo ao qual estão vinculados. Os servidores de Curitiba - 351 - representam 3,3% do total do Estado. A informação foi recebida pelo Controle Interno do Município, através da Assessoria de Controladoria em Finanças da Prefeitura de Curitiba. Em todo o Estado, mais de 10 mil servidores teriam recebido o auxílio, segundo o Tribunal de Contas do Estado (TCE/PR).

Leia mais no blog Política em Debate

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES