Publicidade
Amistoso

Em estádio quase vazio, Paraná Clube vence o River Plate uruguaio

Em estádio quase vazio, Paraná Clube vence o River Plate uruguaio
Raphael Alemão comemora gol do Paraná sobre o River uruguaio (Foto: Geraldo Bubniak)

O Paraná Clube venceu por 2 a 0 o River Plate, nessa quinta-feira (dia 12) à noite, em amistoso disputado na Vila Capanema. Os gols foram marcados pelo ponta Raphael Alemão e pelo centroavante Thiago Santos. O jogo fez parte da última etapa de preparação do time paranaense antes do retorno do Campeonato Brasileiro. O próximo compromisso será na quarta-feira, contra o Vitória, pela 13ª rodada da competição. 

O amistoso foi o 23º jogo internacional do Paraná Clube em sua história. O clube soma agora 13 vitórias, 5 empates e 5 derrotas nesses duelos contra estrangeiros.

Fundado em 1932, o River Plate tem sede na capital do país, Montevidéu. Nunca venceu a primeira divisão. Foi campeão da segundona uruguai em sete ocasiões (a última em 2004). Na atual edição, na primeira divisão, está em terceiro lugar entre os sete times do Grupo B.  

Com o frio de Curitiba – os termômetros marcaram 4º C no momento da partida –, poucos torcedores decidiram enfrentar o estádio nessa quinta-feira. O público foi de apenas 1.728 pagantes.  O Paraná tem média de 7.188 pagantes no Brasileirão 2018.

ESCALAÇÃO
O técnico Rogério Micale fez duas mudanças no time titular em relação ao último teste, o jogo-treino contra o Atlético-PR. Léo Itaperuna e Carlos Eduardo entraram nas vagas de Thiago Santos e Nadson. 

PRIMEIRO TEMPO
O Paraná começou melhor e já criou chance no primeiro minuto, mas Silvinho desperdiçou. Aos 13, Alex Santana quase fez um golaço. Ele tentou o chute por cobertura, com o goleiro adiantado, e a bola bateu na trave. No rebote, Léo Itaperuna desperdiçou outra chance. Aos 34, Alex Santana dispara, puxa o contra-ataque e toca para Raphael Alemão, que invade a área e chuta. O goleiro defende. Ele pega o rebote e marca. O time uruguaio mostrou pouco futebol no primeiro tempo e não incomodou. O jogo teve clima de amistoso, sem excesso de força nas disputas de bola.

TROCAS NO INTERVALO
No intervalo, o Paraná promoveu a estreia do ponta Rodolfo, ex-Boa Esporte. Ele entrou no lugar de Léo Itaperuna. Outra mudança foi a saída de Silvinho para a entrada de Thiago Santos. O River Plate fez nove substituições no intervalo.

SEGUNDO TEMPO
O segundo tempo começou com falha do goleiro do River Plate e gol do centroavante Thiago Santos, já aos seis minutos. Depois, a partir dos 13, Micale fez mais substituições no time. A partida seguiu com domínio do Paraná Clube. No final, entrou no jogo o atacante Iacovelli, que veio do Estoril (Portugal) e que estava no time sub-20. 

PARANÁ 2 x 0 RIVER PLATE (URU)
Paraná: Thiago Rodrigues (Richard); Júnior (Wesley Dias), Cléber Reis (Iacovelli), Rayan e Igor (Baéz); Leandro Vilela (Jhony), Alex Santana (Torito González) e Carlos Eduardo (Caio Henrique); Raphael Alemão (Gabriel Pires), Silvinho (Thiago Santos) e Léo Itaperuna (Rodolfo). Técnico: Rogério Micale
River Plate: Olveira; Ale (Herrera), Barone (Martínez), Gonzalez (Fernández) e Silvera (Diego Rodríguez); Jones (Neris), Calzada (Vicente), Da Luz (Ebre), Vigo (Martín) e Bone (Nicolas Rodríguez); Olivera (Alonso). Técnico: Pablo Tiscornia
Gols: Raphael Alemão (34-1º) e Thiago Santos (6-2º)
Cartões amarelos: Fernández (RP)
Árbitro: Lucas Paulo Torezin (PR)
Público: 1.728 pagantes (2.244 total)
Renda: R$ 22.665,00
Local: Vila Capanema

DESTAQUES DOS EDITORES