Publicidade
Superliga feminina

Em partida marcada por susto, Curitiba Vôlei perde para o Osasco

Ataque do Osasco contra o Curitiba Vôlei
Ataque do Osasco contra o Curitiba Vôlei (Foto: João Neto/Fotojump )

O Curitiba Vôlei enfrentou, na noite desta terça-feira (28), a equipe do Osasco, no ginásio José Liberatti, no interior de São Paulo. Com um placar de três sets a zero, e parciais de 25x20, 25x21 e 25x18, a equipe paulista conquistou mais uma vitória na competição, assegurando o quarto lugar na tabela. Já o time paranaense segue sem vencer no returno da Superliga e ocupa a nona posição.

Durante a partida, a ponteira Talia, da equipe paranaense, bateu a cabeça contra a base da arquibancada ao tentar salvar uma bola, dando um susto em todos que estavam no ginásio. O atendimento foi feito rapidamente e a atleta saiu imobilizada da quadra. Apesar do ocorrido, o caso não foi grave e a atleta não precisou ser encaminhada para o hospital.

Mesmo com a derrota, para o técnico Duda Nunes, do Curitiba Vôlei, o objetivo foi cumprido. “Nossas últimas partidas tiveram um número alto de erros nos princípios básicos, como saque e recepção. E conseguimos evoluir bem nesses quesitos”, ressalta.

O destaque do jogo foi a ponteira Ellen Braga, da equipe do Osasco, que ganhou o troféu Viva Vôlei de melhor em quadra. Do lado do Curitiba Vôlei, o destaque ficou com a oposta Sabrina Machado, que foi a maior pontuadora, com 16 pontos.

A próxima partida do Curitiba Vôlei será contra o Praia Clube, vice-líder da competição. O jogo acontecerá no ginásio da Universidade Positivo, no dia 4 de fevereiro, às 20h

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES