Em São Paulo

Entregador é alvo de ofensas racistas dentro de condomínio chique e vídeo viraliza

(Foto: Reprodução / Twitter)

Um motoboy foi vítima de ofensas racistas em um condomínio de alto padrão na cidade de Valinhos (São Paulo). O agressor, um homem branco, humilhou o entregador por causa de um atraso. A cena ocorreu no dia 31, mas foi filmada e o vídeo viralizou nesta sexta-feira (7), depois de ter sido publicado pela mãe da vítima nas redes sociais.

No vídeo, o motoboy Matheus Pires, 19 anos, que faz entregas por um serviço de aplicativo, foi xingado pelo contabilista Mateus Abreu Almeida Prado Couto. A cena foi filmada por um vizinho. No vídeo, Matheus é chamado de “lixo”. O agressor aponta para o braço e diz que o entregador negro tem inveja da cor dele, mas nunca poderá ter.

Durante o vídeo, o agressor diz que "aqui não vai acontecer nada". "Uma hora, ele cuspiu em mim, jogou a nota do pedido no chão e disse que eu era lixo. Me chamou de favelado", disse o jovem. Um boletim de ocorrência por crime de injúria racial foi aberto. O agressor não se manifestou a respeito.