Publicidade
Política em Debate

Escolhido

(Foto: Andressa Katriny/CMC)

O professor de Direito da Universidade Federal do Paraná (UFPR), Paulo Opuszka, será o candidato a prefeito do PT de Curitiba. Ele foi escolhido ontem em reunião virtual do partido. Opuszka não teve concorrentes, já que o deputado estadual Tadeu Veneri retirou sua pré-candidatura na sexta-feira.

Desistência
O grupo de Veneri não concordou com a substituição de delegados por parte do Diretório Municipal do partido às vésperas da votação. Por conta da pandemia, a escolha foi limitada aos membros do diretório e das zonais da legenda, e não mais com o voto de todos os filiados, como acontecia até então.

Posse
O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ademar Traiano (PSDB), deu posse ao deputado estadual Gugu Bueno (PL) durante a sessão remota de ontem. Bueno assume o lugar deixado por Marcel Micheletto (PL), que aceitou convite do governador Ratinho Junior para assumir a Secretaria de Estado da Administração e Previdência.

Família
Em seu primeiro discurso, Gugu Bueno (PL) agradeceu à família, aos amigos e aos companheiros políticos e falou do desejo de contribuir com o Paraná. “Fui presidente da Câmara de Cascavel durante dois mandatos e sempre disse que o Poder Legislativo está umbilicalmente ligado com a própria democracia. É o esteio verdadeiro da democracia”, disse ele.

Novo secretário
A licença do deputado Marcel Micheletto (PL) também deixou vaga a função de 3º secretário da Assembleia Legislativa. De acordo com o Regimento Interno do Legislativo, o 4º secretário, deputado Gilberto Ribeiro (PP), assume automaticamente a 3ª secretaria. Já a quarta secretaria passará a ser comandada pelo 5º secretário, deputado Nelson Luersen (PDT), restando vaga a função de 5º secretário. A indicação será do Bloco Partidário PL/Republicanos/Podemos e a eleição acontece na sessão de hoje.

Vice-liderança
O deputado Tiago Amaral (PSB) confirmou, durante ontem, a saída da vice-liderança do governo na Assembleia, anunciada por ele nas redes sociais no sábado. O deputado deixa a vice-liderança do Governo na Casa após divergências com o governo em função do Decreto que determinou a suspensão de atividades não essenciais em algumas regionais de saúde por 14 dias, incluindo a 17a Regional de Londrina. “Na minha opinião, os prefeitos deveriam decidir sobre a suspensão ou não das atividades e assumir a responsabilidade. Não concordo com a posição da Secretaria de Estado da Saúde (SESA) de determinar a obrigatoriedade dessa suspensão”, afirmou.

Contas
A equipe do Tribunal de Contas do Estado do Paraná que realizará a análise das contas do governador Ratinho Jr de 2020 encaminhou questionários para a avaliação do governo às escolas estaduais, hospitais e unidades da Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Científica e do Departamento Penitenciário do Estado. O prazo para as respostas é o dia 24 de julho. As contas de 2020 do governador serão analisadas e votadas pelo Pleno do TCE-PR em 2021. Os questionários verificam quesitos em cada uma dessas funções de governo - Educação, Saúde e Segurança Pública - e têm como objetivo avaliar as políticas públicas que, em conjunto com as áreas de governo de Previdência e de Administração/Finanças, integrarão a avaliação das contas.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES