Vaidade

Esmalte pode causar câncer

A Proteste Associação dos Consumidores comparou a qualidade dos esmaltes, considerando a sua durabilidade, abrasividade, tempo de secagem e brilho. Entre as conclusões da avaliação a mais grave foi encontrar um produto que continha ingredientes que podem causar não apenas alergia, mas câncer.
Entre as marcas avaliadas e recomendados para não serem usados estão o Impala Branco (Tradicional), Impala Branco (Hipoalergênico), Impala Cigana, Impala Top Blanc, Risqué Bianco Puríssimo, Risqué Paris (Tradicional) e Risqué Renda (Tradicional).
Já os esmaltes Colorama Leite de Coco, Colorama Via Láctea, Risqué Renda (Hipoalergênico), Colorama Batida de Coco e Risqué Paris (Hipoalergênico) foram aprovados pela equipe da Proteste.
Em geral, os esmaltes trazem vários componentes que podem ser prejudiciais à saúde. Por isso, a equipe da Proteste mediu a concentração dos mais prováveis de serem encontrados nesse tipo de produto. O resultado não foi nada bom, uma vez que a quantidade encontrada apontava para altas concentrações na maioria dos produtos testados.


As substâncias analisadas e apontadas com altamente perigosos foram foramdibutyl phtalate (banido em cosméticos, inclusive esmaltes, em toda a Europa), nitrotoluene, toluene e furfural (compostos comprovadamente cancerígenos).
Segundo a Proteste, no caso do dibutyl phtalate e do nitrotoluene, não existem referências aos mesmos na legislação brasileira. Já toluene e furfural não possuem limites para uso na legislação brasileira. Analisando pelas normas europeias, a quantidade máxima permitida de toluene é de 25% (250.000 mg/kg) e a de furfural, 360 mg/kg.
Os únicos produtos brasileiros que poderiam ser comercializados nos países europeus são os da Colorama e os hipoalergênicos da Risqué. Os produtos da Impala (inclusive os da linha hipoalergênica) contêm dibutylphtalate e toluene em concentrações muito altas e os produtos tradicionais da Risqué apresentam nitrotoluene e toluene em grandes quantidades. Por isso, esses produtos receberam uma avaliação ruim nesse item, o que prejudicou sua avaliação final.