Publicidade
dia do Pão

Estados do Sul consomem quase um quinto de todo o pão industrializado do País

Na quarta-feira o Sindicato da Panificação vende o pãozinho francês sem impostos para o consumidor
Na quarta-feira o Sindicato da Panificação vende o pãozinho francês sem impostos para o consumidor (Foto: Franklin de Freitas)

Nesta quarta-feira (16) é comemorado o Dia Mundial do Pão. E um estudo mostra que os estados do Sul do País, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul são responsáveis por boa parte do consumo de pães industrializados (forma branco e integral, com grãos, de hambúrguer, bisnaguinhas entre diversos outros tipos). Os três juntos consomem 18,2% destes produtos em todo o País.

Os dados foram divulgados pela Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados (Abimapi). É a terceira edição da pesquisa sobre hábitos de consumo de pães, realizada pela consultoria Kantar WorldPanel.

De acordo com o estudo, os pães industrializados têm 86,9% de penetração na região Sul do país e responderam por 25,8 mil toneladas de pães consumidos na região, o que representa mais de 35% dos pães consumidos nestes estados. Em 2017, a participação de mercado deste tipo de pão era de 30,2% do total consumido na região e em 2016, de 27,9%.

Dentre os pães industrializados consumidos no País, o destaque fica para os pães fatiados (também conhecidos como pães de forma), que representaram 28,1% (20, 5 mil toneladas) do mercado. Em seguida aparecem os especiais (com grãos), atingindo 14,1% (10,2 mil toneladas) e as bisnaguinhas, com 2,7% (1,9 mil toneladas).

De acordo com o estudo, a Grande São Paulo lidera o consumo, respondendo por 18,3%; em seguida vem as regiões Sul (18,2%), Leste e Interior do Rio de Janeiro (16,8%), Interior de São Paulo (15,9%), Norte e Nordeste (12,5%), Grande Rio de Janeiro (12,1%) e Centro-Oeste (6,1%). Em 2018, o total de vendas de pães industrializados no país foi de 401,2 mil toneladas.

Sem impostos
Na quarta-feira, mais de 50 panificadoras de Curitiba e região vão vender o pão francês sem imposto, barateando o produto. A medida é uma iniciativa do Sindicato da Panificação do Paraná, para incentivar o consumo e mostrar o peso da carga tributária sobre o pão francês.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES