Femicídio

Ex-marido e mais três viram réus por assassinato de bancária em Curitiba

(Foto: Divulgação)

O juiz Daniel Ribeiro Surdi de Avelar, da 2ª Vara do Tribunal do Júri da Região Metropolitana de Curitiba, acatou a denúncia por feminicídio contra o Antonio Henrique dos Santos, ex-marido da gerente de um agência da Caixa Econônomia Tatiana Lorenzetti, assassinada quando saía do trabalho , no dia 28 de dezembro de 2020, no bairro Capão Raso, em Curitiba. Outras pessoas, Moisés Gonçalves, Thales Serafim, André Luiz Correia Barboza e Jonathan Alves da Silva, contratadas pelo ex-marido, também tiveram a denúncia acatada pela justiça. O juiz também decretou a prisão preventiva de todos eles. Todos respondem por feminicídio qualificado pela promessa de recompensa, por motivo torpe e por recurso que dificultou a defesa da vítima, e se tornaram réus no processo.

Leia mais no Plantão de Polícia