Cadeia

Ex-policial militar acusado de matar e estuprar jovem no Paraná é condenado a 40 anos e três meses de prisão

(Foto: Reprodução)

O Tribunal do Júri de Curitiba condenou a 40 anos e 3 meses de prisão o ex-policial militar Peterson Cordeiro, denunciado pelo Ministério Público do Paraná pelos crimes de estupro, homicídio quadruplamente qualificado e ocultação de cadáver praticados contra Larissa dos Santos 22 anos, em maio de 2018. O julgamento foi realizado na terça-feira, 3 de agosto, e durou quase 10 horas.

Segundo as investigações sobre o caso, a vítima teria desaparecido após receber mensagem em seu telefone celular e ir até o portão de sua casa, no município de Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba. O corpo da mulher, que tinha 22 anos, foi encontrado em um matagal às margens da BR-376, em São José dos Pinhais, com sinais de asfixia, dois meses após o crime. O réu – que também passou a ser investigado por outros crimes de estupro – foi preso em 20 de julho de 2018.

Leia mais no blog Plantão de Polícia