Publicidade
Risco

Faculdade de Artes do Paraná cancela aulas por suspeita de casos de sarampo

(Foto: Divulgação FAP)

Suspeitas de casos de sarampo fez a Faculdade de Artes do Paraná (FAP) cancelar as aulas nesta segunda, 16, e terça-feira, 17. O motivo, segundo a nota da intituição, foi a presença de oito estudantes com suspeita de terem contraído sarampo. Em Curitiba, até o dia 10 de setembro, seis casos da doença tinham sido confirmados. Os alunos só devem retornar na outra semana ao prédio onde acontecem as aulas, no Boqueirão. O alarde começou nas redes sociais com vários alunos apresentando sintomas.

Na UFPR também - A Universidade Federal do Paraná (UFPR) divulgou uma nota nesta quarta (18), informando que de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde de Curitiba, nenhuma ocorrência de sarampo foi confirmada na UFPR. "Existem apenas casos suspeitos que estão sendo devidamente monitorados pela Universidade e pela Secretaria de Saúde. A UFPR está atenta e segue todas as orientações recomendadas pelas autoridades de saúde pública, determinadas em protocolo definido pela Vigilância Epidemiológica Municipal de Curitiba", diz a nota publicada no site da UFPR.

Os casos suspeitos estão sendo investigados pela Sesa. Há 98 casos em análise no Paraná. As confirmações se dão por exames laboratoriais, após cinco dias da coleta de sangue. Todos os 240 estudantes do campus da universidade foram orientados sobre a importância da vacinação. 

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES