Publicidade
Educação

Falta de internet dificulta medida de Alckmin de usar celular em aula

Escolas ainda não têm rede de internet para os alunos acessarem pelo celular
Falta de internet dificulta medida de Alckmin de usar celular em aula

LEONARDO FUHRMANN SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A falta de uma rede de internet de alta capacidade de transmissão de dados e a falta de um treinamento para os professores são as principais dificuldades hoje para o uso dos celulares com a finalidade pedagógica nas escolas da rede estadual.

Na segunda-feira (6), o governador Geraldo Alckmin (PSDB) sancionou uma lei que autorizou o uso dos telefones nas aulas para auxiliar o ensino. Na terça (7), na Escola Estadual Milton da Silva Rodrigues, no Moinho Velho, na Freguesia do Ó (zona norte), considerada um modelo da rede pelo uso de celulares em sala de aula, um professor usou o telefone dele como roteador (equipamento que emite o sinal de internet). Assim, os alunos que não tinham internet em seus celulares conseguiram acessar a rede.

Por enquanto, as escolas ainda não têm rede de internet para os alunos acessarem pelo celular. A internet existente é usada apenas nos computadores para fins pedagógicos e administrativos. O diretor da escola Milton da Silva Rodrigues, Osmar Francisco de Carvalho, afirma que o uso do celular foi incluído no plano pedagógico em 2014. "É um trabalho de tirar o papel de vilão do ensino que o celular tinha e transformá-lo em uma ferramenta do ensino", afirma.

Ele diz que muitas vezes as sugestões partem dos alunos. "Eles me ensinaram a usar a calculadora do celular como científica", diz. Segundo Carvalho, o diálogo com os alunos é fundamental. "É como quando um jovem ensina aos pais ou aos avós como usar uma ferramenta. Precisamos escutá-los", diz.

O professor de Matemática José Carlos de Carvalho afirma que há muitas possibilidades para o celular no ensino, mas os professores precisam conhecê-las. "Seria bom um curso de formação", diz. Ele não recebeu treinamento. Foi no decorrer das aulas que descobriu como usar o celular para ensinar.

DESTAQUES DOS EDITORES