Publicidade
Semana Santa

Feiras de peixe viram atração na Grande Curitiba

Peixe vivo: feiras de pescados são uma tradição na região
Peixe vivo: feiras de pescados são uma tradição na região (Foto: Valquir Aureliano)

Foram abertas nesta quarta-feira (17) as feiras de pescados da Prefeitura de Curitiba. São 18 pontos extras que funcionam até a Sexta-Feira Santa. O período que compreende a Quaresma e a Semana Santa é a melhor para o setor no ano. Mas além de Curitiba, os municípcios da Região Metropolitana também promovem suas feiras de pescados, inclusive com a venda de peixe vivo, e já contam com décadas de história.

Em São José dos Pinhais a feira acontece no Parque São José, também desde ontem, e já está na sua 27ª edição. Todos os anos toneladas de peixes de várias espécies são comercializadas nestas feiras, que promovem os produtores locais. Em São José a feira segue até hoje, às 21 horas.

Mais antiga, a Feira de Araucária completa 29 edições neste ano. O evento segue até hoje, sempre das 9 às 22 horas e com entrada gratuita no Parque Cachoeira.

Em Piraquara a Feira do Peixe Vivo também é antiga, e chega à sua 24ª edição. A feira começa hoje e também fica aberta amanhã em dois locais — Praça Chafic Boazar (Av. Getúlio Vargas, 67 - ao lado da Casa da Memória), e na Regional do Guarituba (Rua Betonex, nº 2330), com início a partir das 9 horas.

Em Quatro Barras a feira do peixe também tem décadas de existência. Completa neste ano a 26ª vez que é realizada no município. A feira da cidade acontece de quinta até sexta-feira (19), na Praça Raulino Alves Cordeiro, na área central. Em Campo Largo a feira é mais recente e tem sete anos. Ela é realizada desde ontem no estacionamento da antiga rodoviária do município, das 9 às 21 horas, mesmo horário de hoje.

Em Campina Grande do Sul são quatro locais com feiras de peixe. Os peixes têm origem direta dos produtores da cidade e são comercializados sob preços tabelados. As espécies disponíveis para compra serão tilápia, carpa, bagre e lambari. As feiras acontecem na Praça Bento Munhoz da Rocha, no ginásio do Jardim Paulista, no Caic e no Santa Rita.


DESTAQUES DOS EDITORES