Rodovias pedagiadas

Fim dos contratos do Anel de Integração não 'livra' motorista de pedágio no PR. Entenda

(Foto: Divulgação)

O fim dos contratos de pedágio, ocorrido neste final de semana, não 'livraram' os motoristas das cobranças. Isso, porque, os contratos que não foam renovados referem-se aos vigentes no chamado Anel de Integração. Com isso, 4 praças de pedágio que estão fora do Anel de Integração do Paraná mantêm a cobrança das tarifas normalmente para os usuários das rodovias. Todas estão sob gestão da Arteriscom contratos vigentes até 2033.

As praças estão localizadas nas BRs 376 e 116: 

  • no km 635,1 da BR-376, em São José dos Pinhais. Tarifa básica de R$ 4,10 (Arteris Litoral Sul);
  • no km 134 da BR-116, em Fazenda Rio Grande. Tarifa básica de R$ 6,20 (Arteris Planalto Sul);
  • no km 204 da BR-116, em Rio Negro. Tarifa básica de R$ 6,20 (Arteris Planalto Sul);
  • no km 57 da BR-116, em Campina Grande do Sul. Tarifa básica de R$ 3,40 (Arteris Régis Bittencourt).