Publicidade
Urbanismo e Aifu

Fiscalização encontra irregularidades em 30% dos estabelecimentos vistoriados

Neste último fim de semana, equipes da Prefeitura atuaram dia e noite em diferentes bairros, para coibir excessos e garantir que comércios e a população obedeçam às medidas sanitárias de saúde previstas em taduais. Da manhã de sexta-feira até a noite de domingo foram realizadas 460 fiscalizações.
Em 30,6% das incursões (141 fiscalizações) foram verificadas irregularidades. Nas demais, os espaços vistoriados estavam adequados ao Decreto Municipal nº 870, pelo qual a capital se alinha às medidas de contenção ao novo coronavírus definidas pelo Governo do Estado pelo decreto 4.942, de 30 de junho de 2020.
Os dados se referem às fiscalizações realizadas pelas equipes da Secretaria Municipal do Urbanismo, Guarda Municipal, Vigilância Sanitária, além de duas Ações Integradas de Fiscalização Urbana (Aifu), promovidas no sábado e domingo, com a participação da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.
Foram incursões em bares, lojas, lanchonetes, restaurantes, postos de gasolina, supermercados e outras dezenas de estabelecimentos. Todos haviam sido denunciados pela população. Das 141 irregularidades encontradas, 51 foram interdições de estabelecimentos baseado decreto estadual que restringe as atividades comerciais neste período.
Já na manhã de ontem as fiscalizações da Guarda Municipal fecharam uma loja de móveis na CIC e uma loja de brinquedos no Boqueirão.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES