Belezas da cidade

Florada das cerejeiras dá colorido rosa para o inverno de Curitiba

(Foto: Franklin de Freitas)

O inverno tem muitas cores em Curitiba. Uma das mais tradicionias, e que dura pouco tempo, é o rosa das cerejeiras. Elas começaram a florir entre o fim de junho e início de julho e sua vida dura cerca de duas a três semanas. As cerejeiras estão em muitos locais de Curitiba: na XV de Novembro, na Praça do Japão e no Jardim Botânico.

As primeiras mudas de cerejeiras fizeram uma jornada transoceânica vindas do Oriente. Como presente do Imperador e da Imperatriz do Japão, há mais de 20 anos, elas foram tratadas e ambientadas em Curitiba ainda nos anos 90. No Horto Municipal de Curitiba, as flores foram aclimatadas, sendo primeiramente plantadas na XV de Novembro, na Praça do Japão e no Jardim Botânico. Depois disso, elas se espalharam pela cidade.

Também tradicionalmente, logo após a florada das cerejeiras, a cidade ganha o colorido dos ipês roxos. Os ipês costumam perder todas as folhas transformando-se num grande buquê. Eles estão espalhados em vários parques, praças e ruas da cidade. O ipê amarelo, um ícone curitibano, floresce mais para o final do inverno.