Pé no freio

Foztrans aponta redução de acidentes

Proporcionalmente a quantidade de veículos existente na cidade, o índice de acidentes caiu 20,18% em dois anos.  É o que indica o relatório divulgado pelo Instituto de Transporte e Trânsito de Foz do Iguaçu (Foztrans). Em 2004 eram 322 acidentes para cada 10 mil habitantes. No ano passado a proporção ficou em 257 acidentes. Em 2005 já havia registro de queda com 275 acidentes para cada 10.000 veículos. A redução é atribuída a série de medidas aplicadas no trânsito com readequação das vias e outras providências adotadas com base nas conclusões dos estudos realizados pela engenharia de trânsito.

Além disso, houve iniciativas a partir de 2005 como a implantação de um banco de dados para o cadastramento de boletins de ocorrências da Polícia Militar, Guarda Municipal, Polícia Rodoviária Federal, Siate e IML. Também houve a criação do BAAT (Boletim de Acompanhamento de Acidentes de Trânsito), a ser utilizado pela Guarda Municipal e Foztrans. Todos os acidentes, independentemente da gravidade, são monitorados e mapeados. As medidas são adotadas quando detectada a necessidade de melhoria na sinalização ou engenharia.

De acordo com o diretor de trânsito do instituto, Ali Hussein Safadi, o município vem reduzindo os números nos acidentes de trânsito, graças ao planejamento estratégico, investimentos em Educação para o Trânsito, ações eficazes na Engenharia de Tráfego e um amplo trabalho de sinalização.

Estatísticas

Em 2004, com uma frota de 76.691 veículos Foz do Iguaçu registrou 2.472 acidentes sendo 901 com vítimas e 1.571 sem vítimas. A média foi de 322,33 acidentes para cada 10.000 veículos. Em 2005, aconteceram 2.367, porém a frota já era de 85.894 veículos. Dos registros daquele ano, 898 acidentes tiveram vítimas e outros 1.469 com apenas danos materiais perfazendo uma média de 275,57 acidentes para cada 10.000 veículos. Já em 2006 foram 2.351 acidentes dos quais 836 com vítimas e 1.515 sem vítimas. Considerando a frota de 91.264 veículos a proporção foi de 257,60 acidentes para cada 10.000 veículos.

Dentre as medidas que contribuem o Foztrans realizou diversas ações preventivas com o programa de educação para o trânsito. Houve estruturação da escolinha de trânsito para atendimento em dois turnos. Os alunos das escolas passam por aulas teóricas com a pedagoga do Foztrans e aulas práticas com os agentes de trânsito da Guarda Municipal. Nos intervalos as crianças recebem lanche.

Com apoio da Polícia Militar, Guarda Municipal e Secretaria Municipal de Educação também foi desenvolvido o Programa Anjos da Guarda. O Foztrans também teve participação decisiva na Semana Nacional de Trânsito, com uma redução de 30% no número de acidentes de trânsito. Blitz Educativa no Dia Internacional da Mulher, Ações Educativas no Carnaval, Copa do Mundo, entre outras.