Campeonato Brasileiro

Coritiba desperdiça chances, toma gol no fim e perde para o Goiás

(Foto: Divulgação/ Coritiba)

O Coritiba segue vivendo um calvário longe de casa no Campeonato Brasileiro. Na tarde deste sábado, em um dos jogos que abriram a disputa da 20ª rodada, a primeira do segundo turno do Brasileirão, o time comandado pelo técnico GUstavo Morínigo acabou derrotado por 1 a 0 pelo Goiás, no Estádio Serrinha. Pedro Raul, aos 34 minutos da etapa final, foi quem fez o único gol da partida.

o Coxa segue sem vencer fora de casa e é o pior visitante da competição. Por ora, aparece em 14º lugar, com 22 pontos, apenas dois acima da zona de rebaixamento, que tem o Cuiabá (com 20 pontos e que ainda jogada na rodada) na 17ª colocação. Já o Goiás, agora com 25 pontos, sobe para a 12ª posição.

PRIMEIRO TEMPO

Mesmo jogando fora de casa, o Coritiba foi para cima e quase abriu o placar aos onze minutos de jogo. Depois de um lançamento longo, Alef Manga recebeu na área e tentou encobrir o goleiro Tadeu. Mas, a bola acabou explodindo no travessão antes de sair pela linha de fundo. A resposta do Goiás veio aos 19, quando Maguinho recebeu de Pedro Raul e soltou o pé em um chute cruzado, mas a bola saiu por cima do gol.

A partir daí, as marcações se acertaram e o ritmo da partida caiu um pouco. Porém, nos minutos finais, o Coritiba teve mais duas boas chances de sair em vantagem. Aos 42, depois de um escanteio cobrado na área, Guillermo de los Santos finalizou à queima roupa, mas Tadeu conseguiu fazer a defesa. Já aos 44, Alef Manga pegou uma sobra e bateu de primeira, mas mais uma vez o goleiro do Goiás fez um milagre.

SEGUNDO TEMPO

Na volta do intervalo, o duelo seguiu movimentado, mas a primeira chance de perigo da segunda etapa veio apenas aos 20 minutos. Em um contra-ataque rápido, Pedro Raul avançou da intermediária e quando chegou a entrada da área, bateu cruzado. A bola saiu tirando tinta da trave. O próprio atacante teve mais uma chance minutos depois, dessa vez de cabeça, mas parou em uma boa defesa de Alex Muralha.

Porém, aos 34 minutos, o atacante do Goiás não perdoou e deixou os donos da casa em vantagem. Danilo Barcelos cruzou na área, Dadá Belmonte desviou e a bola sobrou livre para Pedro Raul, que apareceu sozinho na segunda trave e só teve o trabalho de mandar para o fundo das redes. Nos minutos finais, o Coritiba foi para o tudo ou nada, mas acabou tendo Egídio expulso após uma entrada em Maguinho e não conseguiu ter forças para buscar a igualdade.

Os dois times voltam a campo no próximo final de semana para a disputa da 21ª rodada do Brasileirão. No domingo, o Goiás visita o Palmeiras, no Estádio Allianz Parque, em São Paulo, às 16h. Já na segunda-feira (08), o Coritiba recebe o Santos, no Estádio Couto Pereira, às 20h.

FICHA TÉCNICA

GOIÁS 1 X 0 CORITIBA

Goiás: Tadeu; Maguinho, Lucas Halter (Danilo Cardoso), Caetano e Juan Pablo (Danilo Barcelos); Auremir (Caio), Diego, Vinicius (Henrique Lordelo) e Dadá Belmonte; Nicolas (Renato Junior) e Pedro Raul. Técnico: Jair Ventura.
Coritiba: Alex Muralha; Guilhermo de los Santos (Régis), Henrique e Luciano Castán; Matheus Alexandre, Willian Farias, Bruno Gomes (Trindade) e Egídio; Alef Manga, Adrián Martínez (Léo Gamalho) e Igor Paixão. Técnico: Gustavo Morínigo.
Gol: Pedro Raul (34-2º)
Cartões amarelos: Maguinho (G), Willian Farias e Adrián Martínez (C)
Cartão vermelho: Egídio (C, aos 40-2º)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Público: 9.446 pagantes (11.267 total)
Renda: R$ 169.900.00
Local: Estádio da Serrinha, em Goiânia (GO), sábado (30/07) às 16h30