Publicidade
Escute o seu Coração

Grupos ajudam a controlar pressão e diabetes de pacientes

Grupos ajudam a controlar pressão e diabetes de pacientes
O casal Avanilda do Carmo Pantaleão, 66 anos, e Pedro de Souza Pantaleão, 65, têm um compromisso nas tardes de terça-feira. Eles participam de um dos grupos de controle da hipertensão e diabetes da Unidade de Saúde Solitude (Foto: Divulçação)

O casal Avanilda do Carmo Pantaleão, 66 anos, e Pedro de Souza Pantaleão, 65, têm um compromisso nas tardes de terça-feira. Eles participam de um dos grupos de controle da hipertensão e diabetes da Unidade de Saúde Solitude. Lá, têm apoio para cuidar melhor da própria saúde.

“Aprendemos muita coisa com a ajuda do grupo. Melhoramos a alimentação em casa. Agora já não tem tanta carne, tanto sal na comida”, conta Avanilda. Ela descobriu que tinha diabetes e a hipertensão há mais de uma década e mantém as doenças sob controle.

No grupo, o casal recebe recomendações sobre o que colocar no prato e leva para casa os remédios prescritos pelos médicos. Os enfermeiros também avaliam exames de controle e aferem a pressão e outros dados vitais.

O enfermeiro Pedro Pedroso destaca que as reuniões visam ofertar informação e qualidade de vida às pessoas portadoras de duas patologias de alta incidência na população.

“O ideal ainda é a prevenção, porque a diabete e a hipertensão se tornam crônicas. Mas, para as pessoas que desenvolveram essas patologias, ofertamos apoio para o controle”, disse Pedroso. 

O marido de Avanilda, o aposentado Pedro descobriu que estava hipertenso depois de um acidente de carro. “A equipe de Emergência mediu minha pressão, viu que estava alta e não baixou mais. Agora, tento me cuidar melhor”, conta.

“Não uso mais açúcar no café, não como mais pão, massa”, explica sobre as dicas que recebeu e também o ajudaram a evitar o uso de insulina para tratar a diabetes.

Os grupos de controle de hipertensão e diabetes estão organizados em grande parte das unidades de saúde de Curitiba e fazem parte da linha de cuidado do programa Escute o Seu Coração, lançado em maio pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS).

Só na Unidade de Saúde Solitude, são dois grupos de acompanhamento: um na própria unidade e outro, o que Avanilda e Pedro frequentam, na Igreja Divino Espírito Santo.

O programa Escute o Seu Coração reuniu várias ações para estimular os curitibanos a adotarem hábitos saudáveis, que ajudam a prevenir doenças do sistema cardiocirculatório, como os infartos e os acidentes cerebrais vasculares (AVCs). A hipertensão e a diabetes estão entre os fatores que causam essas doenças. 

Saiba como funciona

O Escute o Seu Coração é um programa da Prefeitura que pretende cuidar do coração dos curitibanos, também estimula a melhoria de protocolos na atenção ambulatorial básica e especializada, da assistência na urgência e emergência.

O programa tem um portal, o www.curitiba.pr.gov.br/escuteseucoracao, em que os visitantes podem testar comportamentos e identificar o que precisa ou não ser mudado e informar-se sobre um estilo de vida mais saudável.

OS 10 MANDAMENTOS DO CORAÇÃO SAUDÁVEL
1. Evite o cigarro
2. Controle seu peso
3. Faça atividade física regularmente
4. Cuide da pressão arterial
5. Escolha bem seus alimentos
6. Controle seu colesterol
7. Reduza o stress do dia a dia
8. Saiba se é diabético
9. Mantenha rotinas de lazer
10. Consulte o médico periodicamente

DESTAQUES DOS EDITORES