Pedido de solidariedade

Hemepar apela por mais doações de sangue e Ministério da Saúde lança campanha

(Foto: José Fernando Ogura/AN-PR)

Nesta segunda-feira (14) foi comemorado o Dia Mundial do Doador de Sangue. E a data ganhou caráter de urgência quando se olha o estoque de plaquetas e hemácias do Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná (Hemepar). O banco de sangue do Estado está 40% abaixo do recomendável. Em algumas unidades, como a de Curitiba, a redução no número de doadores foi de aproximadamente 50%.

A dificuldade foi impulsionada pelo aumento da demanda nos últimos 40 dias, segundo explicou a diretora-geral do Hemepar, Liana Labre de Souza. De acordo com ela, as unidades têm sido bastante exigidas em decorrência do salto no número de acidentes com traumas, especialmente os automobilísticos. Por isso, o Hemepar faz um apelo para as pessoas doem sangue.

Nesta segunda-feira, o Ministério da Saúde lançou uma campanha para incentivar a população a doar regularmente. O objetivo é incrementar o estoque de sangue do país, que teve uma redução de 10% desde o início da pandemia de Covid-19. Segundo o ministério, a redução se deu em razão da diminuição na circulação de pessoas por conta da pandemia.