Ibrahimovic declara que, sem ele, não vale a pena ver a Copa

A eliminação da Suécia com a derrota por 3 a 2 para Portugal, na última terça-feira, em casa, pela repescagem das Eliminatórias Europeias, tirou da Copa do Mundo de 2014 um dos maiores jogadores do futebol na atualidade. No duelo de estrelas com Cristiano Ronaldo, Zlatan Ibrahimovic levou a pior e ficou de fora do que, segundo ele, deveria ser seu último Mundial com a seleção.

O próprio jogador comentou sobre sua ausência e, deixando a humildade de lado, garantiu: "Uma Copa do Mundo sem mim não vale a pena ser vista, assim, não faz falta esperar por sua chegada". "Foi provavelmente a minha última tentativa de chegar à Copa do Mundo com a seleção sueca. Mas, por enquanto, continuarei jogando na equipe", completou.

Como era esperado, Ibrahimovic e Cristiano Ronaldo protagonizaram o confronto, com vantagem para o português. Ele marcou o gol que selou a vitória por 1 a 0 de Portugal no jogo de ida e os três gols do triunfo por 3 a 2 na volta. Para o sueco, restou contentar-se com os dois gols marcados na terça e elogiar o jogador do Real Madrid.

"Se você dá três contra-ataques, ele vai marcar três gols. É o melhor nisso", comentou Ibrahimovic, que, no entanto, preferiu não opinar se Cristiano Ronaldo é o melhor do mundo na atualidade. "Bom, ele está incrível", foi a resposta dada pelo sueco quando perguntado sobre o assunto.

Ibrahimovic não escondeu a tristeza com a perda da vaga, mas fez questão de ressaltar a superioridade de Portugal no confronto. "É muito decepcionante, mas a melhor equipe ganhou. Cheguei a crer na vaga quando marquei os dois gols, mas eles foram superiores", avaliou.