Investigação

Imóveis residenciais têm alta de 0,30% em Curitiba

(Foto: Franklin de Freitas)

O preço nominal médio dos imóveis residenciais em nove capitais brasileiras subiu 0,10% em setembro e cresceu 0,60% no acumulado dos últimos 12 meses. Os dados foram divulgados ontem pela Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), cuja pesquisa considera os valores de imóveis vendidos por meio de financiamento bancário.
A pesquisa mostrou que, em setembro, seis das nove capitais pesquisadas tiveram alta nos preços: Goiânia (0,69%), Curitiba (0,30%), Salvador (0,22%), São Paulo (0,16%), Porto Alegre (0,10%) e Fortaleza (0,02%). Na contramão, houve queda dos preços no Rio de Janeiro (-0,02%), em Recife (-0,12%) e em Belo Horizonte (-0,27%).
De acordo com avaliação da Abecip, a probabilidade de uma aceleração mais forte na retomada dos preços dos imóveis residenciais ainda é pequena.