Série C

Já rebaixado, Paraná joga com meio time de pratas-da-casa e perde para o líder

Guilherme Queiroz cobra pênalti para marcar o gol do Novorizontino
Guilherme Queiroz cobra pênalti para marcar o gol do Novorizontino (Foto: Divulgação/Guilherme Videira/Novorizontino)

O Paraná Clube perdeu por 1 a 0 para o Novorizontino, nesse sábado (dia 18) à tarde, em Novo Horizonte, pela 17ª (e penúltima) rodada do Grupo B da Série C do Campeonato Brasileiro. O time paranaense entrou em campo já rebaixado à quarta divisão do Brasileiro. A queda foi matematicamente confirmada no jogo em Barueri, iniciado às 11 horas da manhã, com a vitória do São José (RS) sobre o laterna Oeste.

Na Série C, os dois últimos colocados (9º e 10º) de cada grupo são rebaixados à quarta divisão. O Paraná é o 9º lugar, com 13 pontos. O São José chegou a 22 pontos e está livre do rebaixamento.

O Novorizontino segue na liderança e invicto no seu estádio. O time paulista ainda não perdeu como mandante na temporada 2021 e não sofreu gols em casa na Série C.

Clique aqui para ver as ATUAÇÕES — notas para os jogadores do Paraná.

MEIO TIME DE PRATAS-DA-CASA
O técnico Jorge Ferreira não tinha os volantes Luan e Moisés Gaúcho, que levaram cartão vermelho na última partida e estão suspensos. Outro suspenso é o lateral-esquerdo Bryan, por acúmulo de três cartões amarelos. O volante Janderson rescindiu contrato com o clube durante a semana e era outra carta fora do baralho. O treinador escalou cinco pratas-da-casa: Paranhos, Pettenon, Lacerda, Kriguer e Castanha. O esquema tático foi o 4-2-3-1 de sempre, com Castanha (direita), Gustavo França (esquerda) e Sillas (centro) na linha de três. A novidade foi o zagueiro Vinícius Guarapuava como volante.

PRIMEIRO TEMPO
Os primeiros 20 minutos tiveram domínio absoluto do Novorizontino. O Paraná ficou recuado e sofreu. Léo Pettenon cometeu pênalti aos 8. Guilherme Queiroz cobrou e converteu: 1 a 0. O time paulista criou mais duas boas jogadas ofensivas e esteve perto de ampliar o placar. Depois disso, o Paraná conseguiu avançar as linhas e, aos poucos, foi equilibrando a disputa. E também chegou a levar perigo em dois momentos. Aos 42, após belo passe de Sillas, Ebere saiu na cara do gol e chutou nas pernas do goleiro, desperdiçando chance incrível.

SEGUNDO TEMPO
No intervalo, o ponta Vinicius Moura entrou no lugar de Castanha. O jogo recomeçou com o Novorizontino no ataque, pressionando. Aos 18, saiu Danilo e entrou o meia Gabriel Pires, que voltou a jogar após lesão muscular. Aos 25, entraram o meia Gabriel Correia e o atacante Gustavinho. O jogo seguiu com o time paulista atacando mais, mas sem criar chances reais. Aos 36, o centroavante Reis entrou no lugar de Gustavo França.

NOVORIZONTINO 1x0 PARANÁ
Novorizontino: Rodrigo Viana; Lucas Mendes, Edson Silva, Bruno Aguiar e Reverson (Wilean Lepo); Adenilson (Guilherme Lazaroni) e Anderson Rosa; Douglas Baggio, Danielzinho e Welinton Torrão (Léo Tocantins); Guilherme Queiroz. Técnico: Léo Condé
Paraná: Bruno Grassi; Paranhos, Léo Pettenon, Guilherme Lacerda e Danilo (Gabriel Pires); Vinícius Guarapuava e Kriguer; Castanha (Vinicius Moura), Sillas (Gabriel Correia) e Gustavo França (Reis); Ebere (Gustavinho). Técnico: Jorge Ferreira
Gol: Guilherme Queiroz (8-1º)
Cartões amarelos: Léo Pettenon, Kriguer (P). Lucas Mendes, Danielzinho (N).
Árbitro: Wagner Francisco Silva Souza (BA)
Local: Estádio Jorge de Biasi, em Novo Horizonte

PRINCIPAIS LANCES
Primeiro tempo
4 - Escanteio. Bruno Aguiar cabeceia a bola no travessão e Bruno Grassi salva no susto.
8 – Gol do Novorizontino. Pettenon derruba Guilherme Queiroz na área. Pênalti. Queiroz cobra à esquerda do goleiro, que cai para a direita.
18 - Danielzinho enfia. Reverson fica em boa posição na área e chuta. Bruno Grassi defende.
24 – Castanha dá de calcanhar para Paranhos, que recebe na área e chuta na rede, pelo lado de fora.
42 - Sillas dá belo passe. Ebere sai nas costas da defesa e parte livre. Ele chuta nas pernas do goleiro e perde gol feito.

Segundo tempo
16 – Douglas Baggio chuta de fora da área. Bruno Grassi defende.
28 - Lucas Mendes avança pela direita e cruza. Léo Tocantins cabeceia. Bruno Grassi salva. No rebote, Douglas Baggio chuta e Guilherme Lacerda bloqueia.