Brasileirão

Jogo de quinta-feira vale R$ 5,2 milhões para o Athletico

Renato Kayzer: gol da vitória na quinta-feira pode render R$ 5,2 milhões ao Athletico
Renato Kayzer: gol da vitória na quinta-feira pode render R$ 5,2 milhões ao Athletico (Foto: Franklin de Freitas)

O Athletico Paranaense termina sua participação no Campeonato Brasileiro nesta quinta-feira (dia 25) às 21h30, quando enfrenta o Sport, na Arena da Baixada. Em 9º lugar, o time paranaense não tem mais chances de chegar ao 8º lugar e, com isso, garantir vaga na Copa Libertadores 2021. No entanto, já tem assegurada a classificação para a Copa Sul-Americana 2021.

O resultado de quinta-feira, porém, pode representar uma diferença de R$ 5,2 milhões. O Athletico precisa vencer para assegurar o 9º lugar, sem depender dos tropeços de Corinthians (10º colocado), Bragantino (11º) e Ceará (12º). O 9º colocado fica com prêmio de R$ 19,8 milhões. Em caso de derrota ou empate, o time paranaense pode cair até o 12º lugar, que tem prêmio de R$ 14,6 milhões. A diferença é de R$ 5,2 milhões entre essas duas posições.

PREMIAÇÃO POR POSIÇÃO
No Brasileirão 2020
1° R$ 33 milhões
2º R$ 31,3 milhões
3º R$ 29,7 milhões
4º R$ 28 milhões
5º R$ 26,4 milhões
6º R$ 24,7 milhões
7º R$ 23,1 milhões
8º R$ 21,4 milhões
9º R$ 19,8 milhões
10º R$ 18,5 milhões
11º R$ 15,5 milhões
12º R$ 14,6 milhões
13º R$ 13,7 milhões
14º R$ 12,8 milhões
15º R$ 11,9 milhões
16º R$ 11,0 milhões

COPA DO BRASIL 2021
O formato de disputa da Copa do Brasil de 2021 teve uma pequena alteração. Clique aqui para entender a modificação, no site da CBF. Se terminar em 9º lugar, o Athletico garante vaga direto na terceira fase da Copa do Brasil. Com isso, não precisa jogar as duas primeiras fases, que são em jogo único.

COPA SUL-AMERICANA 2021
O Athletico tem vaga garantida direto na fase de grupos da Copa Sul-Americana. Por participação dessa fase, o clube paranaense vai receber US$ 1,02 milhão (cerca de R$ 5,6 milhões). A equipe que chegar às oitavas de final receberá mais US$ 1,4 milhão (R$ 7,6 milhões), às quartas de final mais US$ 2 milhões (R$ 10,9 milhões) e às semifinais mais US$ 2,8 milhões (R$ 15,2 milhões). O vice fatura mais US$ 4,8 milhões (R$ 26 milhões) e o campeão, leva US$ 6,8 milhões (R$ 37 milhões).

Athletico Paranaense, Corinthians, Red Bull Bragantino, Ceará e Atlético Goianiense já estão garantidos na Sul-Americana 2021. Sport, Bahia e Fortaleza lutam pela vaga restante na 38ª e última rodada do Brasileirão, nesta quinta-feira.

A competição terá novo formato em 2021, com grupos de quatro equipes. As seis equipes brasileiras estão diretamente classificadas à fase de grupos, junto com seis clubes argentinos (Newell's Old Boys, Talleres, Lanús, Rosario Central, Arsenal e Independiente).

Os demais países têm quatro clubes classificados cada — esses times disputam uma fase preliminar em mata-mata antes da fase de grupos.

Os quatro clubes eliminados na terceira fase preliminar da Libertadores (vulgarmente chamada de Pré-Libertadores) também avançam para a fase de grupos da Sul-Americana. Com isso, serão 32 equipes divididas em oito grupos. Na fase de grupos, serão seis rodadas (jogos em ida e volta) com apenas o líder de cada chave avançando às oitavas de final.

A edição de 2021 da Sul-Americana tem até este momento garantidas as participações de quatro campeões do torneio: o Athletico Paranaense (campeão em 2018), o Arsenal (2007), o Independiente (2010 e 2017) e o Lanús (2013).

A fase de grupos começa em 20 de abril e vai até 27 de maio.