Publicidade
Política

Justiça manda soltar ex-governador de Goiás

"Perillo: tucano havia sido preso pela pol\u00edcia federal prendeu nesta quarta-feira (10) enquanto prestava depoimento sobre a opera\u00e7\u00e3o Cash Delivery."
"Perillo: tucano havia sido preso pela pol\u00edcia federal prendeu nesta quarta-feira (10) enquanto prestava depoimento sobre a opera\u00e7\u00e3o Cash Delivery." (Foto: Wilson Dias/ABr)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ex-governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), foi solto por volta das 16h desta quinta-feira (11).

Ele havia sido preso pela polícia federal prendeu nesta quarta-feira (10) enquanto prestava depoimento sobre a operação Cash Delivery.

A investigação trata do pagamento de propinas em campanhas eleitorais.

Perillo disputou a eleição para o Senado no último domingo (7), mas não se elegeu.

Ficou em quinto lugar, com 7,55% dos votos dos goianos.

DESTAQUES DOS EDITORES