Judiciário

Justiça promove vergonha nacional ao buscar privilégios na pandemia, diz deputado

Bueno (CDN): deputado criticou liminar que autoriza Associação Nacional de Magistrados Estaduais a importar vacinas contra a Covid-19 para imunizar juízes
Bueno (CDN): deputado criticou liminar que autoriza Associação Nacional de Magistrados Estaduais a importar vacinas contra a Covid-19 para imunizar juízes (Foto: Valquir Aureliano)

"Com mais de 270 mil brasileiros mortos a Justiça brasileira continua pensando em seu próprio umbigo e protagoniza um festival de decisões abomináveis para ter privilégios no recebimento de vacinas e receber outras vantagens em plena pandemia. É uma vergonha nacional", repudiou hoje o vice-presidente nacional do Cidadania, deputado federal paranaense Rubens Bueno, ao comentar a decisão da 21ª Vara da Justiça Federal do Distrito Federal que concedeu liminar para autorizar a Associação Nacional de Magistrados Estaduais a importar vacinas contra a Covid-19 para imunizar juízes e magistrados, furando a fila do programa nacional de imunização.

Leia mais no blog Política em Debate