Assine e navegue sem anúncios [+]
Trabalho previne alagamentos

Limpeza de rios e lagos retira de galhos a móveis em Curitiba 

M\u00e1quina realiza a limpeza de rios
M\u00e1quina realiza a limpeza de rios (Foto: Franklin de Freitas)

Os trabalhos da Prefeitura de Curitiba para amenizar o impacto das fortes chuvas previstas para esta primavera passam pela limpeza dos rios da cidade. Neste ano, quase 1,1 mil toneladas de lixo foi retirada de pontos das bacias hidrográficas de Curitiba, de janeiro a meados de setembro.

O material depositado corresponde a mais de 120 toneladas por mês, o que poderia causar o transbordamento dos rios durante fortes precipitações. Parte do material encontrado é formado por folhas, troncos e outros resíduos vegetais que caem nos rios por ação da chuva e do vento. Mas o que mais preocupa são os itens descartados de forma incorreta pela população, como lixo doméstico e até móveis e eletrodomésticos.

“Além das ações de limpeza, buscamos continuamente trabalhar com conceitos de educação ambiental para mostrar a importância de se manter os rios limpos e do descarte adequado dos resíduos”, diz a secretária municipal do Meio Ambiente, Marilza Dias. Isso é feito pela gerência de Educação Ambiental da secretaria e inclui palestras e plantios comunitários de árvores em áreas de preservação.

O lixo jogado indevidamente causa problemas também nas vias públicas, com o entupimento de bocas de lobo e galerias. De janeiro a agosto deste ano, equipes dos distritos de manutenção das Administrações Regionais fizeram 91 km de drenagem, como limpeza de bocas de lobo e galerias pluviais, desobstrução de tubulação e outras ações importantes para garantir o adequado escoamento das águas da chuva na cidade.

Assine e navegue sem anúncios [+]

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. OK