Assine e navegue sem anúncios [+]
Astronomia

Lua oculta Marte na madrugada deste domingo

(Foto: Franklin de Freitas/Arquivo Bem Paraná)

Marte está bem brilhante no céu e pode ser visto facilmente a olho nu. Na noite deste sábado, dia 8 de agosto, a partir das 22h30 quem olhar para o leste vai ver a Lua e vai observar que Marte está aparentemente bem pertinho dela. À medida que a noite avança, Marte vai ficar cada vez mais aparentemente próximo da Lua. "Aparente, em astronomia, refere-se à visão do céu que temos daqui da Terra. Marte não está próximo da Lua, na realidade. É como estamos vendo daqui da Terra", explica Josina Nascimento, pesquisadora do Observatório Nacional.

A conjunção de Marte com a Lua vai ocorrer exatamente às 5 horas (horário de Brasília), quando Marte e Lua estarão a uma altura de cerca de 55 graus, já do lado oeste. "A proximidade aparente de Marte com a Lua será tão grande que, para determinados ângulos de vista aqui da Terra, Marte vai desaparecer atrás da Lua. Isso é o que chamamos de ocultação de Marte pela Lua. Como isso depende do ângulo de vista, o fenômeno só é visto em determinados locais", informa Josina.

No Brasil, o fenômeno será visto nas regiões sul, sudeste - da parte central de Minas Gerais para o sul - e em pequena parte no oeste de Goiás e Mato Grosso do Sul. Marte vai desaparecer pela parte iluminada da Lua e o reaparecimento será pela parte escura. Em alguns locais, o reaparecimento já vai ser com dia claro, dificultando a observação a olho nu.

No Rio de Janeiro a ocultação vai começar às 5h31 e o reaparecimento será perto das 6h48, já com dia claro. Nos locais mais ao sul ainda será escuro e o reaparecimento também poderá ser visto a olho nu. Os horários exatos dependem da localidade.

Este mês ainda tem mais um fenômeno para ser contemplado no céu: conjunção da Lua com Vênus na madrugada do dia 15. E para quem não gosta de acordar cedo, pode aguardar até a noite do dia 28 para ver a conjunção de Júpiter com a Lua.

Assine e navegue sem anúncios [+]

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. OK