Lucas Verthein vence seletiva do remo e garante 181ª vaga olímpica do Brasil

O Brasil chegou nesta sexta-feira aos 181 atletas classificados aos Jogos Olímpicos de Tóquio. Nesta sexta-feira, a vaga foi obtida pelo remador Lucas Verthein, nas finais da Regata de Qualificação Olímpica, realizadas na Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio. Para isso, venceu a final do single skiff masculino.

"Eu não tenho palavras para descrever como estou feliz. Eu treinei muito mesmo! Foi algo que meu treinador Paulo Vinicius me ensinou a não desistir. O ano passado foi difícil para mim e para todo mundo e foi complicado treinar. Eu não sabia se estaria aqui ou não. Mas mantive a fé. Quando consegui a vaga para esse pré-olímpico, fiquei muito feliz! O remo é um esporte maravilhoso, o Brasil precisa conhecer mais esse esporte, já tivemos mais cultura de remo. Eu sonhei muito com isso e consegui chegar nesse momento", destacou o atleta.

Remador do Botafogo, Lucas teve desempenho perfeito na seletiva. Depois de vencer na estreia, avançou em primeiro na sua bateria na semifinal. Depois, triunfou na final com o tempo de 7min24, deixando para trás o chileno Felipe Cárdenas Morales por 1s040.

"Tivemos a semifinal e eu sabia que tinha que pensar em ser primeiro sempre. Eu tive que buscar a melhor remada possível, relaxar mais, soltar mais a pá e isso me deu a primeira colocação na semifinal. Minha tática para a final foi usar tudo o que eu tinha. Sair forte, pois eu sabia que quando chegasse no final era tudo ou nada. Os remadores do Chile e da Argentina vieram forte e eu tirei tudo o que tinha e acabei me destacando e chegando em primeiro", acrescentou Lucas.

Outros dois barcos brasileiros também participaram das finais da seletiva, mas não obtiveram a classificação olímpica, pois não venceram suas disputas. Foram os casos de Vanessa Cozzi e Isabelle Falck, segundas colocadas no double skiff peso leve feminino, e de Evaldo Becker e Emanuel Borges terceiros na versão masculina da prova.

Além de Lucas, o Brasil ainda tem chances de classificar outros remadores para a Olimpíada. Será no Pré-Olímpico Mundial, que foi agendado para o período em 16 a 18 de maio, em Lucerna, na Suíça.

Com a primeira vaga olímpica no remo, o Brasil passa a somar 181 classificados aos Jogos de Tóquio. As outras vagas são no atletismo (25), canoagem slalom (2), canoagem velocidade (2), futebol (36), ginástica artística (15), handebol (14), hipismo (7), maratona aquática (1), natação (12), pentatlo moderno (1), remo (1), rúgbi sevens (12), surfe (4), tae kwon do (3), tênis (1), tênis de mesa (6), tiro com arco (1), vela (13), vôlei (24), vôlei de praia (8) e wrestling (3).