Assine e navegue sem anúncios [+]

Lucro Líquido da Alpargatas no 2º trimestre é de R$ 44,5 milhões, alta de 53,1%

A Alpargatas registrou lucro líquido de R$ 44,5 milhões no segundo trimestre de 2020, um crescimento de 53,1% na comparação com o mesmo período de 2019. O Ebitda (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) da empresa, por sua vez, subiu 28,1% na comparação com o segundo trimestre do ano passado, chegando a R$ 132,2 milhões.

Segundo o presidente do grupo, Roberto Funari, o crescimento de lucro veio da redução de despesas administrativas, aumento da receita por par vendido e desenvolvimento dos canais digitais.

Além disso, ele chama a atenção para os créditos fiscais que melhoraram os resultados da companhia. Houve ganho tributário advindo de mais uma ação de exclusão do ICMS da base de cálculo do PIS/COFINS e de ação de crédito de IPI no valor de aproximadamente R$100 milhões, bem como para as despesas não recorrentes referente à covid-19 no montante total de cerca de R$ 30 milhões. Esses benefícios influenciaram o crescimento de Ebitda e lucro da companhia.

No cálculo do lucro recorrente, excluindo principalmente os ganhos tributários e as despesas relacionadas à pandemia, a empresa atingiu R$ 16 milhões, uma queda de 75,2% em relação ao mesmo período de 2019.

A receita líquida, foi de R$ 680,5 milhões, uma queda de 19,6% em relação a 2019. Aqui, a empresa explica que "a redução de volume de Mizuno e Osklen nos meses de abril e maio, bem como a de Havaianas Brasil no mês de abril, ambas em virtude da pandemia, impactaram negativamente a evolução do trimestre versus 2019".

Furnari destaca que durante o fechamento do comércio, a empresa investiu na presença em canais alimentares como supermercados, lojas de conveniência e farmácias. Assim, as vendas nestes locais cresceram cerca de 11% em junho

Assine e navegue sem anúncios [+]

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. OK