Publicidade
Covid 19

Mães de Curitiba têm orientação com enfermeiras obstetras por whats; veja como fazer

(Foto: Reprodução)

A partir de 1º de junho, Curitiba e região metropolitana passam a contar com o “Fale com a Parteira”, serviço de orientação de enfermeiras obstetras por meio de grupo de whatsapp. O objetivo é ajudar as gestantes que já estão no tempo de parir a avaliarem a real necessidade de irem para a maternidade, seguindo as recomendações mundiais frente à pandemia da Covid-19.

A Resolução Cofen Nº 634/2020 (http://www.cofen.gov.br/resolucao-cofen-no-0634-2020_78344.html), de março deste ano, autoriza e normatiza a teleconsulta de enfermagem, objeto do serviço oferecido pelas enfermeiras obstetras.

Iniciado na cidade do Recife/PE com apoio da Associação Brasileira de Obstetrizes e Enfermeiros Obstetras (ABENFO), “Fale com a Parteira” se constitui em um grupo voluntário de Enfermeiras Obstetras, que objetiva realizar teleorientações às mulheres gestantes.

“Considerando os tempos de pandemia vigente, profissionais de diversos estados do país tomaram frente para que as mulheres gestantes tenham seus direitos garantidos, em vista das mais diversas adaptações e redirecionamentos realizados nos serviços de saúde”, explica a presidente da ABENFO-PR e coordenadora da Comissão de Saúde da Mulher do Coren/PR, Marcelexandra Rabelo.

A prática do teleatendimento já acontece em diversos países e agora, com o advento da resolução Cofen Nº 634/2020, o Fale com a Parteira se mostra potente no cuidado a estas mulheres

O serviço funciona entre 8h e meia noite, por meio de escala de enfermeiras obstetras. As profissionais ajudarão a identificar o tempo das contrações, o intervalo, movimento do bebê, se a bolsa rompeu, a cor do líquido e sinais de risco. Também estarão disponíveis para dúvidas em geral em relação a gestação, na identificação de sinais de risco relacionados tanto às questões obstétricas quanto à COVID-19 para entender se é o momento de procurar ou não um serviço. Tudo isso baseando-se nas evidências científicas atuais e nas recomendações dos órgãos de saúde.

Como fazer para ter acesso?

Entre no grupo de WhatsApp por esse link
https://chat.whatsapp.com/LBbZ6EMKvVRKGc2LFqOt9m

Ou pelo link disponibilizado na bio do Instagram @falecomaparteiracuritiba

Escreva preciso de ajuda
A profissional escalada irá responder via WhatsApp no seu contato privado
Se necessário, a profissional ligará para ajudar a esclarecer as dúvidas e dar o suporte com orientações.
A orientação é que as gestantes tenham a menor exposição possível aos ambientes com a finalidade de:

- diminuir exposição possível em recepções

- reduzir número de internação precoce desnecessária

- diminuir do tempo de internação

- reduzir a alocação de recursos de insumos e EPI pelo menor tempo de internamento

- aumentar disponibilidade de vagas para quem realmente está em trabalho de parto

- contribuir para a melhora do fluxo de atendimento, já que sabemos que haverá maior demanda nas triagens de maternidades em função do COVID-19

Atenção: Esse grupo se configura como grupo de apoio virtual e, portanto, deixamos claro que se trata de um suporte através de orientações somente.

Havendo a identificação de riscos e/ou necessidade de uso de medicamentos, a recomendação é que a gestante procure um profissional ou serviço de saúde presencialmente.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES