Publicidade
Exame Nacional do Ensino Médio

MEC treina em Curitiba equipes que irão trabalhar na aplicação das provas do Enem

MEC treina em Curitiba equipes que irão trabalhar na aplicação das provas do Enem
(Foto: Mariana Leal/MEC)

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) está novamente percorrendo o Brasil com o objetivo de garantir a aplicação padronizada do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em todo o país. Neste fim de semana, 22 e 23 de setembro, são capacitadas as equipes que atuarão no Exame em Minas Gerais, Ceará, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Paraná e São Paulo.

Serão capacitados 556 coordenadores municipais, coordenadores de local de aplicação e assistentes em Belo Horizonte; 740 em Fortaleza; 500 em Curitiba; 1.103 no Rio de Janeiro; 276 em Natal, e 328 em São Paulo. Em alguns estados a capacitação está ocorrendo em mais de um fim de semana. O Enem 2018 será realizado em 4 e 11 de novembro em 1.725 municípios brasileiros. O Inep se prepara para aplicar o exame para 5.513.684 participantes.

Nesta edição, a capacitação presencial tornou-se regionalizada. Isso significa que os coordenadores de local de aplicação de cidades localizadas a até 105 km do polo de capacitação também recebem as instruções sobre como aplicar o exame de forma padronizada pelos instrutores do consórcio aplicador, formado pela Fundação Cesgranrio e Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Antes, os próprios coordenadores municipais, após receberem a capacitação do Inep, realizavam o treinamento em suas cidades de atuação. A capacitação presencial é uma das etapas de preparação dos cerca de 500 mil envolvidos com a aplicação das provas do Enem. Com oito horas de duração, a programação inclui vídeos, dinâmicas, simulações e exercícios para reforçar as regras e os procedimentos de aplicação, padronizados em todo o Brasil. 

Todos que atuam no Enem também precisam passar por uma capacitação na modalidade a distância, que exige rendimento mínimo de 50%. A história do Enem nos últimos 20 anos é o tema condutor que guia a capacitação deste ano. No dia do exame os coordenadores de local de aplicação ainda capacitam os chefes de sala, aplicadores e fiscais. A plataforma EaD está disponível desde agosto.

Segurança - Os operadores logísticos e de segurança do Enem 2018, de todas as regiões brasileiras, também estão sendo capacitados desde agosto. A iniciativa visa habilitar os colaboradores envolvidos na operação de segurança para a realização do exame e padronizar as ações. Neste sábado, 22, serão capacitadas 74 pessoas das equipes das regiões Sul e Sudeste, também em Belo Horizonte. Serão capacitados representantes do Sistema Integrado de Gestão de Ativos de Segurança (Sigas), dos convênios celebrados entre o Inep e as Secretarias de Segurança Pública (SSP), das diretorias regionais dos Correios, além dos coordenadores dos Centros Integrados de Comando e Controle Estadual (CICCE) e dos coordenadores estaduais das instituições aplicadoras. Todas as capacitações são acompanhadas por servidores da Diretoria de Gestão e Planejamento do Inep, representantes do Ministério da Defesa, da Polícia Federal e da Polícia Rodoviária Federal.

Perfil – Dos 5.513.684 inscritos em todo o Brasil, 59% são mulheres. A faixa etária mais representativa é a dos participantes que têm de 21 a 30 anos (27,8%), 17 anos (17%) e 18 anos (15,9%). A maioria dos inscritos, 58,7%, já concluiu o ensino médio e 29,7% está cursando a última série em 2018. Os chamados treineiros, participantes que fazem o Enem para autoavaliação, representam 10,6% dos inscritos. Ao todo, 63,8% dos participantes estão fazendo o Enem com todos os custos pagos pelo governo federal.

DESTAQUES DOS EDITORES