Isolamento?

Mesmo com pandemia, Litoral do Paraná fica cheio de turistas no feriado

Movimento na PR-407
Movimento na PR-407 (Foto: Colaboração)

Os dias seguidos de sol em Curitiba e o feriado de 1º de maio, nesta sexta-feira (1º), fizeram com que muitos turistas descessem para o Litoral do Paraná. Em outros tempos, emendar o feriado ao fim de semana e descer para a praia seria uma situação normal. Nesta época, contudo, as autoridades de saúde recomendam que as pessoas não saiam de casa, devido à pandemia do novo coronavírus. Além disso, recomenda-se evitar aglomerações.

De acordo com números da Ecovia, concessionária que administra a BR-277 no trecho entre Curitiba e o Litoral, houve picos de 1.500 carros por hora no sentido Litoral, nesta sexta-feira — o normal é 500 carros. Além disso, houve filas na PR-407, estrada que liga a BR-277 às praias de Pontal do Paraná. O tráfego só ficou normalizado às 17 horas. Segundo a concessionária, o fluxo para o Litoral já era mais alto que o normal na quinta-feira (30).

Em tempos de coronavírus, autoridades dos municípios litorâneos apelam para que os turistas não desçam ao Litoral. Em Guaratuba, houve uma atitude mais radical. O prefeito Roberto Justus chegou a fechar as praias no feriado de Páscoa, em 4 de abril. Dez dias depois, o Tribunal de Justiça (TJ) mandou o município “reabrir” as praias. Contudo, três dias depois, o TJ suspendeu a decisão que liberava o acesso às praias de Guaratuba.

Somadas, as cidades do Litoral do Paraná têm 22 casos de covid-19. São 16 em Paranaguá, dois em Guaratuba, dois em Matinhos e dois em Morretes. Uma pessoa morreu.