Covid-19

‘Meu pai tinha crença ferrenha no tratamento precoce’, diz vereador Alexandre Leprevost

Alexandre Leprevost (SD): “O Covid entrou na minha família de forma devastadora"
Alexandre Leprevost (SD): “O Covid entrou na minha família de forma devastadora" (Foto: CMC/reprodução)

O vereador Alexandre Leprevost (SD), fez um relato emocionado na sessão de hoje da Câmara Municipal de Curitiba, em homenagem ao pai, Luiz Antonio Leprevost, que morreu na sexta-feira, aos 69 anos, vítima de complicações da Covid-19. O parlamentar contou que o pai tinha uma “crença ferrenha” no chamado “tratamento precoce”, de medicamentos sem eficácia comprovada contra a doença, mas que isso pode ter colaborado para o agravamento de sua situação.

Luiz Antonio Leprevost estava internado na UTI do Hospital Nossa Senhora das Graças, em Curitiba, há cinco meses entre idas e vindas por causa de complicações da Covid-19. Sua esposa, Jussara Leprevost, também chegou a contrair a doença e foi internada na UTI, mas se recuperou.

Leia mais no blog Política em Debate